​Vereadores adiam votação de projeto e contrariam prefeito Gilson de Souza

Prefeito quer incluir área da zona sudeste na expansão urbana do município de Franca

Postado em: em Política

Os vereadores acataram o pedido de empresários do ramo imobiliário de Franca e adiaram projeto de lei apresentado pelo prefeito Gilson de Souza.

O projeto tinha o objetivo de expandir a área urbana de Franca na região Sudoeste, proximidades da estação de tratamento de água da Sabesp.

Os vereadores receberam pela manhã empresários do setor Imobiliário que disseram ser injusto e contraditório somente aquela área ser incluída na expansão da cidade.

Eles alegaram que outras áreas aguardam projeto da prefeitura com o mesmo objetivo e que não estaria correto aprovar somente uma.

Um dos empresários, Paulo Maciel, disse que aparentemente havia "interesses pessoais" no projeto no formato que foi apresentado aos vereadores.

O vereador Marco Garcia pediu o adiamento na votação por três sessões e contou com o apoio da base governista para conseguir adiar.

O adiamento significou a segunda derrota de Gilson de Souza na sessão desta terça-feira, que também teve a derrubada de um veto seu.

Após as três sessões, os vereadores poderão aprovar ou rejeitar o projeto de lei, sendo que o adiamento contou com o apoio dos cidadãos presentes na Câmara.


Artigos Relacionados