Tudo o que você precisa saber sobre a prova da 2ª fase do Vestibular Unesp

Saiba como é o estilo da prova, os conteúdos que mais caem, técnicas para a redação e o calendário

Postado em: em Educação

​A segunda fase da Unesp será realizada nos dias 15 de 16 de dezembro, com duração de 4 horas e 30 minutos.

A prova da segunda prova terá 36 questões discursivas (divididas em dois dias) e uma redação em gênero dissertativo. A prova será realizada em dois dias.

1º dia: 24 questões, sendo 12 de Ciências Humanas (história, geografia, filosofia e sociologia) e 12 de Ciências da Natureza e Matemática (biologia, química, física e matemática).

2º dia: 12 questões de Linguagens e Códigos (língua portuguesa e literatura, língua inglesa, educação física e arte) e uma redação.

O tempo da prova não é tão crítico como o de outros vestibulares, mas pela quantidade de questões dissertativas, também é uma prova exigente. 

O candidato tem um pouco mais de 11 minutos por questão no 1º dia e um pouco mais no 2º dia por conter apenas 12 questões e a redação.

Na composição final da nota, a prova da Unesp tem grande peso na área de humanas por cobrar questões dissertativas de filosofia e sociologia.

Nessa fase, a capacidade redacional do estudante é essencial. Além disso, é fundamental organizar e demonstrar bem os cálculos nas questões de exatas.

A nota da Unesp não usa a Teoria de Resposta ao Item, então todas as questões têm o mesmo valor. Veja como funciona

Diferentemente do Enem, a Unesp não calcula a nota segundo a TRI (Teoria de Resposta ao Item). Todas as questões têm o mesmo valor

Assim, a estratégia de responder primeiro as mais fáceis e deixar para depois as difíceis é muito importante. É melhor garantir ponto logo no começo da prova. O candidato que perde tempo nas difíceis vai se prejudicar.

Prova de conhecimentos específicos e redação

Para correção das questões discursivas, as bancas estabelecem critérios para atribuir a seguinte pontuação às respostas dadas a cada questão: 0,00 - 0,50 – 1,00 – 1,50 – 2,00.

Depois, a nota é obtida pela adição dos pontos atribuídos a cada questão, somando no máximo 72,00.

No caso da redação, é atribuída nota de 0 a 28 pontos na correção. A nota máxima da redação é 100.

Nota final

É a média aritmética simples das notas de todas as provas, dada por:

[(Prova de Conhecimentos Gerais) + (Prova de Conhecimentos Específicos e Redação)] ÷ 2.

Para os cursos que exigem prova de habilidades, a nota será computada no cálculo da nota final.

Critérios de desempate

Em caso de empate na nota final, os critérios para desempate são, pela ordem:

  • maior nota na 2ª fase;
  • maior nota na Redação;
  • maior nota em Ciências da Natureza e Matemática da Prova de Conhecimentos Específicos;
  • maior nota em Ciências Humanas da Prova de Conhecimentos Específicos;
  • idade mais elevada (considerando-se os anos, meses e dias a partir do nascimento).

Importante: os candidatos que não comparecerem em uma das provas ou obtiver nota igual ou inferior a 20 na prova de conhecimentos gerais, ou zero na prova de conhecimentos específicos ou zero na redação é desclassificado.

Provas

Provas da segunda fase​: 15 e 16 de dezembro de 2019

Resultados

27 de janeiro de 2020

Para a realização das provas o candidato pode levar:
  • lápis preto (proibido uso de lapiseira);
  • apontador;
  • borracha;
  • caneta esferográfica com tinta preta fabricada em material transparente;
  • régua transparente.
  • RG ou documento oficial equivalente, com foto e assinatura recentes (obrigatório);
  • Comidas leves são permitidas.

O que não é permitido:

  • nenhum aparelho eletrônico, como calculadora, telefone celular, relógio, reprodutor de áudio;
  • protetor auricular;
  • boné;
  • gorro;
  • chapéu;
  • óculos de sol



Artigos Relacionados