Tiro de Guerra obtém mais de 1 tonelada de agasalhos durante arrastão em Franca

Doações foram repassadas ao Fundo Social de Solidariedade, que repassará às famílias carentes da cidade

Postado em: em Filantropia

O Tiro de Guerra de Franca atendendo solicitação do Fundo Social de Solidariedade de Franca, por intermédio de seu diretor, Alexandre Alonso, realizou no dia 12 de maio o arrastão da Campanha do Agasalho que neste ano tem o lema "Vamos esquentar o inverno de quem mais precisa", no intuito de arrecadar roupas, calçados e qualquer tipo de agasalho de frio em benefício da população carente.

Assim, o Tiro de Guerra percorreu diversas ruas do bairro Vila Aparecida/São José, na Capelinha e adjacências, com uma equipe de cerca de 90 (noventa) atiradores, tomando como limites de áreas de atuação as seguintes vias: Av. Dr. Hélio Palermo, Av. Ismael Alonso Y Alonso, Av. Presidente Vargas e Av. Major Nicácio; sendo trajetos principais para recolhimento das arrecadações as ruas Minas Gerais e São Paulo; e ainda, a Av. Brasil, a partir da Av. Ademar de Barros. 

O Subtenente Mota, Chefe da Instrução do Tiro de Guerra, convocou a população para esse ato de solidariedade e humanitarismo e escalou os atiradores que percorreram as ruas fardados e portando cartão de identificação militar, passando de porta em porta, distribuídos em duplas, trios ou quartetos. 

     Por fim, a adesão do Tiro de Guerra de Franca à Campanha, superou a marca de 1 tonelada de agasalhos que foi repassado para o FUSSOL, na  pessoa de Alexandre Alonso. Tudo isso denota o caráter do civismo empregado na formação do Atirador que, além da formação militar, prima por uma das missões subsidiárias do Exército Brasileiro, que vem a ser apoiar ações comunitárias dessa natureza. 


Artigos Relacionados