Sesi Franca Basquete decide título no Pedrocão, com casa cheia e vontade de vencer

Time terá de reverter atuação apática do último jogo e entrar ligado em quadra para ser campeão

Postado em: em Basquete

​O Sesi Franca Basquete viverá um momento histórico nesta quinta-feira. Enfrentará, no Pedrocão, às 18 horas, o Paulistano, pelo quinto e decisivo jogo da série melhor de cinco das finais do Campeonato Paulista da Série A-1.

A partida deverá ser marcada pelo equilíbrio. O Paulistano venceu, em Franca, o primeiro encontro da série, com o time francano se reabilitando na segunda partida, também em Franca. Já no primeiro jogo na Capital, deu Franca, com o time da Capital empatando a série no quarto jogo.

Com duas equipes bem treinadas, com características semelhantes – forte defesa e contra-ataque – o jogo decisivo é cercado por muita expectativa. Poderá ser a torcida, que deverá ocupar os seis mil lugares disponibilizados para o jogo, e a mística do Pedrocão o grande diferencial.

“Lutamos muito para garantir o direito de decidir no Pedrocão. Agora temos que valer esse mando, fazer uma partida inesquecível para o torcedor francano que vem esperando com muita ansiedade esse título paulista. Ele será o nosso sexto jogador em quadra”, afirmou o técnico Helinho Garcia. “Espero que nossa equipe esqueça a terça-feira e volte a jogar o que planejamos para a série final diante de um adversário muito consciente e forte”, completou.

A delegação do Paulistano viajou na tarde desta quarta-feira (1) para Franca na esperança de conseguir o primeiro título Estadual do clube. Já foram três vices: 2005, quando perdeu a série por 3 a 1 para o COC/Ribeirão; 2009, quando foi derrotado pelo São José por 3 a 0 e 2013, quando foi batido por 3 a 0 pelo Bauru.

A missão será complicada, pois o Sesi Franca Basquete já chegou à decisão do estadual nada menos que 33 vezes e é o segundo maior ganhador do Campeonato Paulista, com 11 títulos conquistados, além de 12 vice-campeonatos. 

Somente o Corinthians, com 14 títulos, ganhou mais estaduais que Franca, porém, o último foi conquistado no distante ano de 1985. A última final de Franca foi no vice-campeonato de 2008, contra Limeira e a última conquista francana foi o bicampeonato de 2006 e 2007. Na ocasião, o técnico era Hélio Rubens, pai do atual treinador, Helinho Garcia.

O Paulistano tem consciência das dificuldades que enfrentará no Pedrocão. “Nada é fácil no campeonato. Vamos buscar um título contra o favorito da competição, o clube que fez maior investimento e que vai jogar em casa, com o apoio da sua torcida. Agora o foco é o quinto jogo e a equipe tem que esquecer a vitória de terça-feira porque ela não reflete o que é um jogo entre as duas equipes”, analisou o técnico Gustavo De Conti.

Léo Meindl teve concedido um efeito suspensivo pelo presidente do Tribunal de Justiça Desportiva, Wilson Marqueti Júnior, e vai estar em quadra no quinto jogo. Ele tem sido um dos principais atletas do elenco francano.

“O que posso dizer que lutamos muito para fazer esse quinto jogo em nossa quadra. Agora é jogar para garantir o título”, afirmou o ala, que ainda não foi campeão Paulista, mas que já viu o pai, Paulão Berger, ex-pivô e técnico do basquete francano, levantar a taça.

Os ingressos para o jogo estarão sendo vendidos nas bilheterias do Pedrocão, a partir das dez horas desta quinta, com valores de R$ 20 para as arquibancadas e R$ 40 para as cadeiras.


  • Jeferson será uma das principais armas de Franca contra o Paulistano no Pedrocão

Artigos Relacionados