Saiba quais são as 12 coisas que você pode fazer já para evitar a demência

Estudo científico mostra que 10 dos 12 fatores de risco são perfeitamente evitáveis no dia a dia

Postado em: em Saúde

​O número impressiona, mas é real. Quase metade dos casos de demência poderiam ser evitados com a adoção de 12 medidas preventivas simples.

A conclusão é de um estudo científico de uma equipe da Universidade de Melbourne, na Austrália, que contou com a participação de 28 especialistas em demência de todo o mundo.

Foram identificados os fatores que oferecem mais risco para o desenvolvimento do problema:

- Tabagismo,

- consumo excessivo de álcool,

- Pressão alta,

- Obesidade,

- Diabetes, 

- Depressão, 

- Perda auditiva,

- Exposição à poluição do ar,

- Falta de exercícios físicos,

- Falta de contato social,

- Traumatismo craniano,

- Nível de educação.

Diminuindo os 10 primeiros fatores, que são perfeitamente evitáveis na vida diária, chega a prevenir ou atrasar em até 40% os casos de demência no mundo.

Um dos autores do estudo, dr. David Ames, afirma que, mesmo pessoas mais velhas, podem prevenir a doença melhorando seu estilo de vida.

"Nunca é cedo e nunca é tarde para pensar em reduzir os riscos", diz.




Artigos Relacionados