Programa abre inscrições para intercâmbio entre universidades brasileiras

Inscrições vão até dia 16 de dezembro e Unesp disponibiliza mais de 100 vagas em diferentes cidades

Postado em: em Educação

Estão abertas as inscrições para o Programa de Mobilidade Nacional (PMN) para estudantes de universidades filiadas à Associação dos Reitores de Universidades Estaduais e Municipais (Abruem). A Unesp oferece mais de cem vagas em diversos cursos localizados em diferentes cidades do estado de São Paulo. A inscrições vão até o dia 16 de dezembro.

O PMN tem como objetivo promover intercâmbio de estudantes de graduação dentro do próprio Brasil e proporcionar aos acadêmicos trocas culturais e contato com novas realidades em Instituições de Ensino Superior (IES) de outras cidades e estados brasileiros.

Podem participar do Programa estudantes de Graduação regularmente matriculados em IES estaduais e municipais que aderiram o PMN no período indicado, e que cumpram os requisitos obrigatórios publicados nos editais de seleção.

Para o primeiro semestre de 2020, serão ofertadas 1.383 vagas, em 22 universidades em diversas regiões do Brasil. Para informações sobre os cursos, consulte o edital.

O prazo para inscrições vai até o dia 16 de dezembro e as aulas terão início em fevereiro de 2020, conforme calendário acadêmico da IES de destino. 

O candidato deverá se inscrever na instituição que pretende fazer a mobilidade, e cumprir os requisitos necessários explícitos no edital de seleção. ~

Mais informações: https://sites.google.com/view/mobilidadenacional/home?authuser=0

Seleção

Os estudantes que tiverem interesse em participar do Programa devem identificar quais das universidades oferecem os cursos nos quais eles estão atualmente matriculados. Confira a lista de cursos ofertados em cada instituição participante do programa.

Com a escolha feita, o estudante deve entregar no departamento responsável pela mobilidade em sua universidade os documentos exigidos para participar do PNM.

Os interessados em fazer a mobilidade devem apresentar um plano de estudos aprovado pelo coordenador do curso de origem, bem como uma carta de recomendação assinada pelo departamento da universidade de origem, para a IES escolhida. A seleção seguirá a ordem de recebimento das inscrições.

Cada uma das instituições lança editais próprios para receber estudantes em seus cursos, por isso é preciso que os estudantes interessados fiquem atento aos prazos e editais.

Os interessados em fazer a mobilidade devem encaminhar um plano de estudos aprovado pelo coordenador do curso de origem, bem como uma carta de recomendação assinada pelo departamento da universidade de origem.

Para outras informações, entre em contato preenchendo o formulário.


Artigos Relacionados