Para manter atividades, Casa da Sopa de Restinga inicia venda de sacos de lixo

Há opções de 15, 20, 30, 40, 100 e 200 litros, e pacotes com 30 unidades são entregues em domicílio

Postado em: em Filantropia

A Casa da Sopa de Restinga iniciou um novo projeto há 2 meses, que é a venda de sacos de lixo para manter suas atividades.

De acordo com a presidente da entidade, Elaine Nalini, uma voluntária liga, efetua a venda e os sacos de lixo são entregues na residência de quem colaborou com a compra.

Os pacotes com 30 sacos de lixo cada, podem ser adquiridos de 15, 20, 30, 40, 100 e 200 litros. “Esse projeto tem nos ajudado no atendimento das 112 crianças e adolescentes em situação de extrema vulnerabilidade social

do município de Restinga (área urbana e rural)”, salienta Elaine.

A Casa da Sopa de Restinga oferece oficinas de Inglês, Ballet, Teatro, Violão, Boxe, Música, Basquete, Informática, atendimento odontológico, lanches e refeições de segunda a sábado no contra turno escolar. “Mantemos nossas atividades somente com recursos próprios e doações, por isso, aceitamos qualquer tipo de doação”, destaca Elaine, acrescentando que ainda este ano, a entidade promoverá a 5ª Feira da Casa da Sopa, programada para os dias 6, 7 e 8 de dezembro.

Para colaborar com o projeto de sacos de lixo ou ajudar de alguma forma a Casa da Sopa de Restinga, basta entrar em contato pelo telefone (16) 3143-1397, ou à Rua Ângelo Felício, 107, Centro de Restinga.


Artigos Relacionados