Museu Casa de Portinari volta a receber visitantes na vizinha Brodowski

Com restrições na capacidade do prédio e tempo reduzido de visitação, reabertura ocorre neste sábado (5)

Postado em: em Cultura

Casa onde Cândido Portinari passou a infância se transformou em museu em Brodowski

Fechado desde março em virtude da pandemia do novo coronavírus, o Museu Casa de Portinari, em Brodowski, volta a receber visitantes a partir das 9h deste sábado (5). A entrada é gratuita e não é necessário agendamento.

A reabertura está autorizada porque o município permaneceu 28 dias na fase amarela do Plano São Paulo, a terceira etapa da flexibilização da quarentena no estado, e vai continuar ao menos por mais duas semanas. A confirmação deve ser feita pelo governo paulista na tarde desta sexta-feira (4).

No entanto, para visitar a antiga residência do pintor Cândido Portinari [1903 - 1962] , o público deve seguir o protocolo elaborado pela instituição. A capacidade do espaço foi reduzida para 60% e o uso de máscara é obrigatório em todos os espaços.

Além disso, deve ser respeitada a distância de dois metros entre as pessoas, a capacidade máxima de cada sala e os horários de saída, determinado pelos funcionários do museu.

O Museu Casa de Portinari funciona de terça-feira a domingo, das 9h às 18h.

Virtual
Apesar da retomada das visitas presenciais, a programação online do museu permanece com atividades para crianças e adultos. No domingo (6), uma oficina de dobradura vai ensinar a fazer pássaros de papel.

Já na segunda-feira (7), feriado da Independência do Brasil, a plataforma digital do museu disponibiliza um vídeo de João Cândido Portinari, filho do pintor Cândido Portinari, explicando o significado da obra ‘Guerra e Paz’, mural exposto na sede das Nações Unidas, em Nova Iorque.

Pelo site do museu, os internautas podem produzir uma homenagem a Cândido Portinari com música, poema, desenho, pintura e projetos que vão fazer parte de uma galeria virtual. Para participar, basta encaminhar a obra para o WhatsApp (16) 98215-1242.

A programação virtual está disponível no perfil do museu no Facebook, Instagram e nosite oficial.


Artigos Relacionados