​Motorista é orientado a usar máscara nas estradas do estado de São Paulo

Orientação é feita aos profissionais da estrada com finalidade de minimizar a transmissão do coronavirus

Postado em: em Trânsito

Os motoristas que passam pelas rodovias Cândido Portinari, Ronan Rocha, Fábio Talarico – na região de Franca, bem como de outras malhas viárias como Anhanguera e Bandeirantes estarão sendo orientados por equipes das concessionários das rodovias e também pela ARTESP sobre a importância do uso de máscaras em suas viagens.

O trabalho segue uma orientação da OMS (Organização Mundial da Saúde) e do Plano Ação São Paulo, que defende o uso da proteção fácil, considerada fundamental para a proteção contra o coronavírus.

O Departamento de Estradas de Rodagem (DER) e as vinte concessionárias, vinculadas à Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp), aderiram à campanha do Governo Paulista e reforçaram, nas rodovias, as mensagens que alertam a população para a importância de se usar máscaras de proteção durante a pandemia do coronavírus.

 Ao todo, 391 Painéis de Mensagens Variáveis, espalhados pelos mais de 19 mil km de rodovias paulistas, terão a mensagem de conscientização: “Use máscara. Proteja a sua vida e a dos outros”.  

A campanha também será veiculada nas redes sociais da Secretaria de Logística e Transportes (SLT), da ARTESP e do DER.

 As rodovias receberam, desde o início da pandemia, medidas para reforçar a higiene e reduzir o risco de contágio nas praças de pedágio, como a disponibilização de álcool gel para os operadores e para os usuários.

 Além disso, está em funcionamento como projeto piloto a cobrança com cartão de crédito por aproximação nas praças de pedágio das malhas das concessionárias Ecovias e Ecopistas, responsáveis pela operação de rodovias como a Anchieta (SP-150), Imigrantes (SP-160), Ayrton Senna (SP-070) e Carvalho Pinto (SP-070). 

Outra medida anunciada para melhorar a comunicação e receber relatos sobre situações registradas nas rodovias, principalmente por caminhoneiros, foi a criação do Canal de Denúncias: ‪0800 055 5510 (24 horas) e e-mail: abastecimentoseguro@sp.gov.br.


Artigos Relacionados