​Gilson de Souza poderá liberar as fábricas para já trabalhar no dia 13 de abril

Se positiva, a decisão do prefeito Gilson de Souza poderá ser publicada no Diário Oficial nas próximas horas

Postado em: em Economia

O  prefeito Gilson de Souza esteve reunido com entidades ligadas à produção industrial e definiu que algumas delas poderão retornar ao trabalho a partir do dia 13 de abril, porém, com medidas restritivas.

A decisão do prefeito poderá ser publicada no Diário Oficial nas próximas horas. 

Na publicação, o chefe do Executivo francano deverá, inclusive, delinear as medidas que as empresas deverão aplicar como prevenção aos seus trabalhadores.

O anunciou partiu do líder do prefeito na Câmara Municipal, vereador Tony Hill, que acompanhou a reunião dos empresários e o Comitê de Enfrentamento ao Coronavírus. 

A Prefeitura deverá realizar fiscalização nas empresas para acompanhar as medidas protetivas. 

Caso haja o descumprimento das normas, o Executivo poderá aplicar multas ou mesmo determinar o fechamento do estabelecimento.

COMÉRCIO – LOJAS

Com relação às lojas, o vereador Tony Hill afirmou que o prefeito se depara com as medidas anunciadas pelo governador João Dória, de restrição ao funcionamento por conta da pandemia.

Uma outra reunião deverá envolver a ACIF e a CDL-Franca, além do Sincomércio e Sindicato dos Trabalhadores. 

A medida deverá ser semelhante ao que vem sendo aplicado no Paraná, onde há um rodízio de funcionários e restrições para o atendimento.

As medidas estarão sendo discutidas por conta do movimento da economia local, explicou Tony Hill.


Artigos Relacionados