Franca e cidades da região se destacam no Estado no programa VerdeAzul

92 cidades receberam certificação por notas acima de 80 pontos; 62 foram qualificadas com notas entre 60 e 79

Postado em: em Meio Ambiente

Franca, Santo Antonio da Alegria e outros municípios da região, como Cristais Paulista, Miguelópolis e outros, ganharam o selo Município VerdeAzul, do governo do Estado de São Paulo. 

Santo Antonio da Alegria, inclusive, foi homenageado com o troféu “Franco Montoro” por avançar na qualificação do programa.

O prefeito João Batista, de Santo Antonio da Alegria, foi um dos que recebeu o prêmio Franco Montoro direcionado às cidades líderes do ranking do Programa Município VerdeAzul (PMVA), da Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente. 

O evento foi realizado no auditório Ulysses Guimarães, no Palácio dos Bandeirantes.

“Todos os 154 municípios que receberam o prêmio merecem aplausos e reconhecimento, mas especialmente os três primeiros colocados por alcançarem o patamar de excelência nesse programa”, disse o governador João Dória. 

As cidades líderes do PMVA foram São José do Rio Preto, Bragança Paulista e Novo Horizonte.

Ao todo, 92 cidades receberam certificação por notas também acima de 80 pontos e 62 foram qualificadas ao obterem notas entre 60 e 79,9 no ranking geral até 100. 

São José do Rio Preto foi a campeã no ranking geral, totalizando 97 pontos, seguida por Bragança Paulista (94,74) e Novo Horizonte (94,23). 

O PMVA tem o propósito de incentivar, apoiar e medir de maneira descentralizada a agenda ambiental em todas as regiões de São Paulo. 

Atualmente, os 613 municípios participantes colocam em prática 85 tarefas divididas em dez diretrizes da agenda ambiental local com base em temas estratégicos.

São ele: Município Sustentável; Estrutura e Educação Ambiental; Conselho Ambiental; Biodiversidade; Gestão das Águas; Qualidade do Ar; Uso do Solo; Arborização Urbana; e Esgoto Tratado e Resíduos Sólidos.

“Nós temos o dever de fomentar políticas públicas de desenvolvimento sustentável. 

"Este programa nos aproxima das prefeituras para entendermos suas demandas e unirmos esforços. 

"É a oportunidade de inovar e disseminar ações entre as cidades”, afirmou o Secretário de Infraestrutura e Meio Ambiente Marcos Penido.

Em 2019, foram capacitadas 384 pessoas em 151 municípios nas diversas regiões do estado. Durante os trabalhos, os interlocutores votaram sobre a mudança do calendário do programa para evitar coincidência de datas com as eleições municipais.

“A dedicação dos interlocutores e suplentes é o cerne desse programa contínuo de respeito ao meio ambiente e às pessoas”, disse o coordenador do PMVA, José Walter Figueiredo.

Outras cidades que receberam o troféu Franco Montoro foram Itu (93,39), Santo Antônio da Alegria (90,04), Santa Fé do Sul (89,91), Presidente Prudente (91,26), Bragança Paulista (94,74), Junqueirópolis (87,31), Ribeirão Preto (90,60).

Guararema (90,70), Sertãozinho (91,47), São Pedro do Turvo (92,57), São Bento do Sapucaí (86,76), Penápolis (86,90), Itanhaém (89,65), Mogi das Cruzes (86,26), Coronel Macedo (82,75) e Gabriel Monteiro (89,60).

“Estamos aqui em um momento especial do Governo do Estado e das prefeituras. 

"A premiação do Programa VerdeAzul demonstra o empenho e responsabilidade dos municípios. 

"O Secretário Marco Penido tem feito uma revolução na área, transformando nessa grande secretaria que temos hoje. É uma vitória fundamental para a população de seus municípios”, afirmou o Secretário Marco Vinholi.



Artigos Relacionados