Dezembro Roxo incentiva francanos a doar parte do IR para ONGs e entidades

Por Lei, contribuinte pode doar até 6% do IR, no entanto, a maior parte dos contribuintes ignora a medida

Postado em: em Filantropia

A Leoa, plataforma de assistência virtual que faz a declaração de Imposto de Renda por meio de simples perguntas, firmou parceria com grandes startups brasileiras para juntas realizarem o primeiro Dezembro Roxo, uma campanha de conscientização dos contribuintes do leão que tem como objetivo estimular as doações de até 6% do IR para ONGs e instituições sociais. 

Em Franca a campanha também será realizada. “Franca fará parte desta campanha e será importante que os seus cidadãos participem, doando mais que os atuais R$ 397.049,13 de Imposto de Renda devido que são doados, atualmente”, comenta Eduardo Canova, coordenador nacional da Campanha Dezembro Roxo, que acredita que, com uma mobilização forte, será possível deixar até R$ 9 milhões em Franca, que ajudarão crianças e adolescentes em situação de risco.

Segundo Eduardo, a falta de conhecimento faz com que 99% da população deixe de cumprir o seu direito legal: o de escolher onde aplicar essa porcentagem do imposto devido. Ano passado, por exemplo, das 12 milhões de pessoas que enviaram suas declarações no modelo completo, apenas 1457 contribuintes doaram parte do imposto devido para instituições de caridade ou culturais. “Este ano, será o primeiro ano da campanha e estamos atuando em mais de 2.500 cidades”, destaca Eduardo, acrescentando que a Campanha Dezembro Roxo visa informar o contribuinte sobre os benefícios da sua doação, pois além de praticar uma ação social, que fará a diferença na vida de muitas crianças e adolescentes do seu estado, conseguirá, também, o abatimento do seu Imposto de Renda.

Em primeiro lugar no ranking dos Estados que, proporcionalmente, mais realizaram doações, está o Ceará, onde dos quase 9 milhões de habitantes apenas 402 dos declarantes doaram. São Paulo, Estado mais populoso e rico do país, aparece na 11ª posição. Isso porque o Estado, que poderia ter arrecadado pouco mais de R$ 3 bilhões, levantou apenas 0,06% deste potencial. Confira a lista:

Fonte: Receita Federal

Pensando em conscientizar as pessoas e sanar dúvidas sobre como elas podem realizar o procedimento, será realizada a primeira edição do Dezembro Roxo, que pode ajudar 5.570 municípios do Brasil a receberem boa parte dos recursos do IR para ONGs e instituições locais. Idealizador da campanha, Eduardo Canova, Fundador e CEO da Leoa, teve a ideia depois de perceber que a grande maioria das pessoas desconhece que pode ajudar ao próximo e dar um destino ao imposto devido. “Essas doações auxiliam causas de amparo às crianças e adolescentes e podem ser abatidas totalmente do imposto do contribuinte, ou seja, ao invés de esse dinheiro ir para Brasília, ele fica na  cidade da pessoa e é empregado em causas sociais do município ou mesmo que ela tenha alguma empatia”, explica ele. Fonte: Receita Federal

A campanha, que acontecerá durante todo o mês de Dezembro, auxiliará os interessados à realizar a doação e acompanhará os resultados em cada cidade do país. “Nosso site oficial já está no ar e nele o contribuinte conseguirá simular o abatimento no IR, conhecer as instituições contempladas, acompanhar o ranking das cidades que mais estão doando e tirar dúvidas sobre a campanha. Sabemos que naturalmente o povo brasileiro é muito caridoso e empático, isso nos motiva a levantar a bandeira do Dezembro Roxo e nos dá a certeza de que iremos colher grandes resultados com a iniciativa”, afirma Eduardo. 

Mais informações:

dezembroroxo.com.br


Artigos Relacionados