Denúncia: ​Prefeitura de Franca ainda não repassou R$ 1,7 milhão à Santa Casa

O dinheiro, segundo a nota, foi aprovado pela Câmara Municipal e é referente aos meses de janeiro e fevereiro

Postado em: em Política

Em comunicado oficial, a Santa Casa de Franca fez duras críticas à Administração Municipal de Franca, que deixou de repassar o equivalente a R$ 1.750.000,00.

O dinheiro, segundo a nota, foi aprovado pela Câmara Municipal e é referente aos meses de janeiro e fevereiro, que seriam pagos em duas parcelas. 

Esse valor nada tem a ver com os recursos para Covid 19 e nem com o programa Zera Fila, mas relativas ao que o Município estava devendo e foi acordado junto aos vereadores. 

O direcionamento está relacionado a outros procedimentos que envolvem internações obstétricas (partos e causas relacionadas), AVCs, infartos, entre outros.

Ao falar ao Jornal da Franca sobre os recursos, a instituição Santa Casa produz, em média, na Internação Hospitalar, 38% acima do pactuado com o Gestor SUS. 

Para Internações Obstétricas, a instituição produz 46% acima do pactuado. Além disso, o financiamento é necessário para manter os atendimentos de Urgência/Emergência.

Portanto, o hospital, através de sua diretoria, em comunicado à imprensa, reafirma: a demanda de pacientes por atendimentos SUS é maior que a pactuada com o Gestor SUS.

O Grupo Santa Casa de Franca possui capacidade operacional instalada para suprir esta demanda, ficando evidente que a Prefeitura Municipal terá ganho econômico-financeiro com tal parceria público-privada, pela otimização dos custos fixos já existentes.

Assim, a Diretoria Administrativa do Grupo Santa Casa de Franca aguarda ser chamada pela Prefeitura Municipal de Franca, no sentido de dar andamento às tratativas para se concretizar o pagamento do Plano de Trabalho já aprovado anteriormente pela Câmara Municipal.


Artigos Relacionados