"Estrelas do Amanhã", da Pastoral do Menor, tem o apoio da Carmen Steffens

Patrocinada pela Carmen Steffens, a iniciativa oferece aulas de basquete para 275 crianças do Jardim Aeroporto

Postado em: em Educação

A Pastoral do Menor e Família da Diocese de Franca lançou o projeto “Estrelas do Amanhã”, que busca traçar novos rumos para crianças e adolescentes por meio da prática esportiva. 

Patrocinada pela Carmen Steffens, a iniciativa oferece aulas gratuitas de basquete para 275 crianças na região do Jardim Aeroporto. 

Durante o evento, que aconteceu no Centro Comunitário Nilda Vannini de Andrade, as crianças treinadas pela equipe da Chuí Esportes receberam uniformes e fizeram uma demonstração de habilidades no basquete. 

“A meta é despertar na criança valores que servirão para a vida toda”, afirmou o  diretor da Pastoral do Menor, Padre Ovídio de Andrade.

Além dos alunos e de seus familiares, participaram do lançamento o diretor da Carmen Steffens, Mario Spaniol, o vice-prefeito Frank Sérgio Pereira, o Secretário de Esportes e Cultura, Elson Boni, o técnico do Sesi Franca Basquete, Helinho Garcia, e o diretor da escola Chuí Esportes, Bruno Borges.

Parceria de sucesso

Para o coordenador do “Estrelas do Amanhã”, Nilton Gonçalves, o apoio da Carmen Steffens, por meio da Lei de Incentivo ao Esporte da Secretaria Estadual de Esporte, Lazer e Juventude, foi fundamental para que o projeto pudesse se tornar uma realidade.

“Ter um parceiro como a Carmen Steffens dá um crédito maior para o trabalho que fazemos com as crianças”. 

Parceiro da Pastoral há dez anos, Mario Spaniol ressaltou o papel desta iniciativa para transformar a vida de crianças de adolescentes.

 “Este projeto da Pastoral do Menor é fantástico porque cuida de crianças com dificuldades financeiras, famílias desestruturadas e que, aqui, durante o dia, encontram oportunidade de buscar um caminho para suas vidas com educação, com esporte, com carinho”, afirmou o diretor da Carmen Steffens.

Por crer na importância de seu papel social, a empresa também apoia instituições como a APAE e o Hospital de Câncer de Barretos.

“Acreditamos que um país só melhora se a sociedade se envolver. E a sociedade, através das empresas, pode fazer muito mais do que tem feito a cada dia”, disse o empresário.

 “Convido vocês, de uma forma ou de outra, a apoiar projetos como esse. Projetos sérios, que ajudam muitas pessoas que talvez nunca teriam oportunidade na vida”, finalizou.

(Fotos: Wilker Maia/Palavra Fácil)    


Artigos Relacionados