​Vereadora fiscaliza o cumprimento da lei das doulas em hospitais

Na Santa Casa, a vereadora afirmou que estão sendo feitos os preparativos necessários

Postado em: em Política

A Câmara Municipal aprovou, este ano, uma lei que obriga os hospitais de Franca que possuem maternidade a permitir o acompanhamento das gestantes, durante os trabalhos de parto, de uma profissional especializada nesta ação, as chamadas doulas.

A autora do projeto que deu origem à lei, vereadora Cristina Vitorino (PRB), está realizando uma fiscalização nos hospitais para saber se eles estão cumprindo a legislação. Na última semana, esteve na Santa Casa de Franca e vai visitar, nos próximos dias, as maternidades dos hospitais Unimed e Regional.

Na Santa Casa, a vereadora afirmou que estão sendo feitos os preparativos necessários para o cumprimento da lei, o que não é simples, em razão até do volume de partos da entidade, que passa dos 300 mensais, a grande maioria de pacientes do SUS (Sistema Único de Saúde).

“A Santa Casa é referência não só para Franca, onde criamos a lei, mas para diversas cidades vizinhas. Entendo que toda mudança lá não pode ser implantada na correria, mas sim de forma gradual e definitiva. Senti que há boa vontade em colaborar com o município e melhorar a qualidade dos serviços às mulheres”, disse Cristina.


Artigos Relacionados