Servidores realizarão nova assembleia nesta segunda para analisar proposta

Proposta feita pela Prefeitura está ainda distante do que pede a pauta de reivindicações

Postado em: em Política

Os servidores de Franca vão se reunir mais uma vez para votar, em assembleia marcada para esta segunda-feira, 26, às 18 horas, na sede do Sindicato dos Servidores, a proposta de reajuste oferecida pelo prefeito Gilson de Souza (DEM).

Na última reunião, a rejeição ocorreu de maneira unânime, dada a distância entre o que a pauta de reivindicações dos servidores pede e o que foi oferecido por Gilson de Souza.

Os servidores querem aumento real 8%, cartão alimentação de R$ 600, abono escolar de R$ 350, falta abonada e plano de carreira. Em um primeiro momento, o prefeito se limitou a oferecer aumento de 1,81% - que é a reposição simples da inflação oficial - e mais R$ 6 de créditos no cartão alimentação.

Em uma segunda reunião, Gilson ofereceu R$ 10 de aumento no cartão alimentação, permanecendo ainda muito distante do que é pleiteado pelo funcionalismo.

"Os trabalhadores vão se organizar para a realização de atos e manifestações. Os funcionários públicos também decidirão sobre possibilidade de estado de greve", disse Fernando Nascimento, presidente do Sindicato dos Servidores



Artigos Relacionados