Santa Casa de Franca implanta sistema de gestão de leitos

Novo sistema permite gerenciar leitos e otimizar vagas para pacientes – aumentando produtividade

Postado em: em Saúde

Sistema de gestão de leitos permite um controle em tempo real de toda a movimentação de pacientes pelo hospital, seja saindo de uma cirurgia, entrando em internação, trocando de andares ou recebendo alta

O Grupo Santa Casa de Franca acaba de implantar um sistema de gestão de leitos, que permite um controle em tempo real de toda a movimentação de pacientes pelo hospital, seja saindo de uma cirurgia, entrando em internação, trocando de andares ou recebendo alta – isto tudo sendo realizado pelo TASY, que é um conhecido software para gerenciamento de procedimentos hospitalares, já utilizado na instituição há alguns anos.

Considerando que a dificuldade de acesso a leitos hospitalares é um assunto mundialmente discutido, com superlotação em constante pauta e dificuldades para internações, o Grupo Santa Casa de Franca busca investir seu know how em tecnologia e profissionais da assistência ao paciente para equacionar da melhor forma estes problemas, buscando minimizar os efeitos colaterais deste cenário.

Todo o processo inicia-se a partir da avaliação médica, onde se detecta a necessidade de uma internação e da demanda por uma vaga através do NGL – Núcleo de Gestão de Leitos – formado por um grupo de profissionais que atua para disponibilizar o leito mais adequado dentro do melhor tempo possível, garantindo assim um atendimento mais dinâmico que proporciona mais produtividade.

Assim, o gerenciamento de um leito hospitalar compreende todo o processo de provisão e administração das camas e dos diversos serviços relacionados nas várias áreas de um equipamento de saúde. 

A gestão de leitos não é somente o local em que o paciente repousa, mas envolve todos os serviços que acompanham a assistência médica, desde o processamento da admissão do paciente, passando pelo tempo de trabalho dos médicos e profissionais de enfermagem e administrativos envolvidos, diagnósticos e tratamentos adequados e alta médica e alta hospitalar.

HUMANIZAÇÃO 

Para o controle automatizado dos leitos foi instalada uma central com painel de monitoramento, que permite a visualização de todos os leitos disponíveis, ocupados, reservados, em manutenção, entre outros. 

Possuindo esses dados atualizados em tempo real, os profissionais de saúde podem se concentrar mais na qualidade do atendimento aos pacientes. 

Isso proporciona um atendimento humanizado, com mais acolhimento, gerando no paciente mais satisfação e a certeza de que está recebendo a devida atenção para aquele delicado momento pelo qual ele está passando.

A diretoria administrativa do Grupo Santa Casa de Franca busca transmitir aos seus pacientes e usuários a visão consolidada na prática de estarem recebendo todo o apoio, cuidado e respeito que eles merecem.

Thiago Silva, administrador hospitalar geral do Grupo Santa Casa, enfatiza: “Esta cultura de melhores processos e automatização em benefício do paciente, iniciada no Hospital Geral, irá se estender a todas as unidades do Grupo”, concluiu.


Artigos Relacionados