Saiba como o magnésio pode ajudar nos cuidados e beleza da sua pele

Peles ressecadas e acneicas encontram no magnésio um poderoso aliado para a beleza

Postado em: em Beleza

Impulsionadas pelo skincare, mulheres tem questionado mais e mais sobre a importância da alimentação e da composição de produtos que entram em contato com a pele. Você já considerou aumentar seu consumo de alimentos com magnésio?

Armazenado dentro das células, o magnésio corporal está contido 60% nos ossos, 26% nos músculos e o restante em outras partes do corpo, explica a dermatologista Paola Pomerantzeff. “O magnésio controla a atividade elétrica cardíaca, a contratilidade muscular e o funcionamento das células nervosas. Ele ocasiona relaxamento do músculo vascular liso e diminuição da pressão sanguínea, diminuindo os riscos de arritmia e tetania e aumentando o fluxo coronariano por ação no sistema circulatório”, elucida Monica Batista, biomédica esteta.

Já nas células, o magnésio “desempenha papel fundamental nas atividades enzimáticas, atuando como cofator em mais de 300 reações metabólicas. Atua ainda como regulador fisiológico da função hormonal e na resposta imune inata e adquirida”, explica Monica.

Por isso, sua deficiência compromete a imunocompetência. Além disso, conforme lista a dermatologista Paola Pomerantzeff, a insuficiência de magnésio pode acarretar fadiga, insônia, irritabilidade, cãibras, contraturas musculares, alterações cardíacas, alteração da memória, anorexia, alterações renais e osteoporose.

A importância do magnésio para a pele

Deu para perceber como o magnésio é vital para o funcionamento de sistemas diversos, né? Mas e na pele, como ele age? Ainda de acordo com a dermatologista, segundo alguns estudos, o magnésio melhora a função da barreira da pele, aumenta a hidratação e diminui a inflamação na pele seca atópica. Ele protege contra danos dos radicais livres e inflamação e pode ajudar em peles vermelhas e ressecadas. Justamente por isso, é um aliado importante em tratamentos de acne e rosácea.

Monica Batista continua: “o magnésio possui ação anti-inflamatória e anti-infecciosa por estimular a fagocitose e ser indispensável para a ação de anticorpos. Ele ajuda no equilíbrio da pele e na redução de inflamações. O papel do magnésio na pele é reduzir o excesso de oleosidade, reduzir citocinas pro-inflamatórias (facilitadoras do aparecimento da acne), desobstruir os poros faciais e reduzir, assim, a proliferação de cravos e espinhas.”

Para incluir o magnésio em sua dieta, Paola recomenda o consumo de oleaginosas, como nozes, castanhas e amêndoas; leguminosas como feijão, ervilha e lentilha; e vegetais folhosos verde-escuros (espinafre, couve, agrião, escarola e abacate).


Artigos Relacionados