Empreender, da ACIF, cria núcleo de produtores de cafés especiais

Onze marcas já integram o grupo, quinta, 12, novos interessados estarão na ACIF para conhecer a proposta

Postado em: em Negócios

O mercado de cafés especiais da Alta Mogiana tem ganhado destaque no mercado internacional de forma rápida. 

Durante todo o ano de 2018, a venda do produto no exterior representou apenas 2% do total das exportações de Franca ao passo que, até o mês de setembro deste ano, esse percentual chegou a 30. Em moeda, isso representou um salto de U$ 1,7 mi para U$ 30 milhões, no período. 

Atualmente, o café produzido em Franca e cidades vizinhas é exportado para países como Japão, Coreia, China, Hong Kong, Estados Unidos e continente europeu. O levantamento foi feito pela ACIF em Revista do mês de novembro.

Entendendo a relevância deste mercado e a fim de fomentar o desenvolvimento coletivo, a ACIF (Associação do Comércio e Indústria de Franca) reuniu produtores locais e criou o Núcleo de Cafés Especiais do Programa Empreender. “Realizamos a primeira reunião do núcleo no último dia 5 e já temos 11 produtores no núcleo”, afirma o gestor do Empreender ACIF, Jaider Silva. “Discutimos temas como divulgação do café, técnicas de gestão, captação de compradores, plataformas de vendas, participação em feiras, turismo e capacitação de baristas”.

Novo encontro

A ACIF abrirá uma nova oportunidade para que mais produtores se unam ao grupo. Nesta quinta-feira, 12 de dezembro, às 9h, na sede da ACIF (Rua Monsenhor Rosa, 1940), os interessados em conhecer a proposta do projeto devem comparecer ao encontro de apresentação do núcleo. Não é necessário confirmação de presença.

Crédito da imagem: Divulgação/ACIF


Artigos Relacionados