Preço do café arábica dispara e sobe quase R$ 69 por saca em fevereiro

Na sexta-feira, o indicador Cepea/Esalq do café tipo 6 bebida dura para melhor fechou a R$ 522,42 por saca.

Postado em: em Agronegócios

Os preços do café arábica dispararam nos últimos dias, influenciados pelo cenário externo. 

De acordo com o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), esse movimento afastou agentes do mercado físico nacional, mantendo a liquidez baixa.

A entidade explica que os momentos de queda nos valores externos foram resultados de estimativas indicando produção recorde no Brasil na safra 2020/2021, ao passo que os aumentos estiveram atrelados a fatores técnicos e às altas do dólar, por conta do coronavírus,

Na sexta-feira, 28, o indicador Cepea/Esalq do café tipo 6 bebida dura para melhor, posto na capital paulista, fechou a R$ 522,42 por saca. 

No acumulado do mês, o grão subiu 10,2% ou R$ 68,72. Quanto ao robusta, pesquisas do Cepea apontam que a retração vendedora e elevação do dólar sustentaram os preços na maior parte da semana. 

O indicador Cepea/Esalq do tipo 6 peneira 13 acima fechou a sexta a R$ 312,92 por saca. Em fevereiro, o produto subiu 1%.


Artigos Relacionados