PC/SP: publicados editais com 600 vagas para agentes e auxiliares

Cargos de agente policial e auxiliar de papiloscopista requerem nível médio e têm salários de R$ 3,5 mil

Postado em: em Trabalho

Foram publicados, nesta quinta-feira, 03 de maio, os últimos dois editais do concurso da Polícia Civil do Estado de São Paulo (PC/SP). Eles oficializaram a abertura de mais 600 vagas, desta vez para os cargos de agente policial (400) e auxiliar de papiloscopista policial (200).

Para concorrer a uma das vagas é necessário possuir ensino médio completo, carteira de habilitação na categoria “B” para auxiliar e categoria “D” para agente e ter conduta irrepreensível na vida pública e privada.

A remuneração inicial tanto para agente policial quanto para auxiliar de papiloscopista é de R$ 3.596,98, incluindo salário básico de R$ 2.905,34 e adicional de insalubridade de R$ 691,64.

Vale ressaltar que todas as carreiras da corporação contaram, recentemente, com melhorias salariais, instituídas em 22 de março, por meio da lei complementar 1.317, que define aumento de salários para o funcionalismo público estadual. O documento determina um aumento de 3,5% a 7%, variando de acordo com a área. No caso específico da Polícia Civil, o reajuste é de 4%. Além disso, a partir do último dia 1º de março, a categoria também contou com reajuste de 2,27% no adicional de insalubridade, que passou de R$ 634,78 para R$ 691,64. 

As inscrições serão recebidas entre os dias 10 de maio e 08 de junho. A ficha cadastral estará disponível no endereço eletrônico da Fundação Vunesp (www.vunesp.com.br), banca organizadora do processo de seleção.

Será cobrada uma taxa de participação do concurso da Polícia Civil/SP, no valor de R$56,54 para ambas as funções, e o seu pagamento deverá ser efetuado até a data limite do prazo, observado o horário de funcionamento da rede bancária.

A primeira etapa a ser disputada pelos candidatos será a prova preambular, de caráter eliminatório e classificatório. Ela será constituída de 80 questões objetivas, consistentes em testes de múltipla escolha.

Para agente policial, a prova contará com 20 questões de língua portuguesa, dez de noções de direito, dez de noções de criminologia, 20 de noções de informática, dez de noções de lógica e dez de atualidades.

Já para auxiliar, a avaliação será composta por 25 questões de língua portuguesa, cinco de noções de direito, cinco de noções de criminologia, cinco de noções de medicina e odontologia legal, dez de noções de informática, cinco de noções de lógica, dez de noções de identificação, dez de conhecimentos gerais e cinco de atualidades.

A prova preambular será aplicada no dia 08 de julho nas seguintes regiões do Estado de São Paulo: Araçatuba; Bauru; Campinas; Presidente Prudente; Ribeirão Preto; Santos; São José do Rio Preto; São José dos Campos; São Paulo (Capital e Grande São Paulo); Piracicaba e Sorocaba.

A etapa final do concurso da Polícia Civil/SP será a comprovação de idoneidade e conduta mediante investigação social, de caráter unicamente eliminatório.


Artigos Relacionados