Páscoa: saiba como a data é celebrada em diversos países do mundo

Feriado católico celebra a ressurreição de Jesus, marca o fim da Quaresma e tem tradições diferentes no mundo

Postado em: em Cultura

A Páscoa é uma data popular em todo o mundo, mas curiosamente é celebrada de maneiras diferentes em vários países.

O feriado católico, que celebra a ressurreição de Jesus dentre os mortos e também marca o fim da Quaresma para alguns (período de 40 dias de jejum e oração), têm diferentes interpretações e tradições peculiares, que vão de shows pirotécnicos, passando por brincadeiras com ovos, queijos e pistolas d'água e até rituais de fertilidade, sabia?

Dinamarca

Uma tradição da Páscoa dinamarquesa envolve o envio de cartas anônimas com charadas, que são chamadas por lá de Gækkebrev. A carta é recortada na forma de um floco de neve e assinada com pontos correspondentes ao número de letras do nome do remetente. Se você adivinhar quem enviou, ganha um ovo de chocolate. Caso contrário, você deve 'pagar' ao remetente um ovo de chocolate. 

Suécia

Na Suécia, as crianças se vestem como bruxas da Páscoa (påskkärringar) e batem nas portas dos vizinhos para pedir guloseimas, algo bem parecido com o Halloween norte-americano. 


Finlândia

Os finlandeses tradicionalmente acreditam que espíritos malignos vagam livremente nos dias antes da Páscoa para que as crianças se vistam como bruxas. Além de procurar ovos de chocolate, outra tradição é comer Mämmi, um pudim preparado com água, farinha de centeio e malte de centeio. Esse doce remonta ao século XVI. 

Holanda

Na Holanda, desfruta-se de um pão de Páscoa (um pão de frutas com recheio de pasta de amêndoa) e uma fogueira grande é acendida. Em 2012, Espelo quebrou o recorde de maior fogueira do mundo com 45,98 metros. 

Romênia

Uma das tradições de Páscoa mais divertidas é a 'batida de ovos'. Na Romênia, a brincadeira consiste em duas pessoas baterem ovos cozidos uns contra os outros em um esforço para quebrar o oponente. O ovo com a casca mais dura vence. Dizem ainda que a pessoa que mantém um ovo intacto desfruta de uma vida mais longa. 


França

Em vez do coelhinho da Páscoa, as crianças francesas têm sinos de Páscoa! De acordo com o ensinamento católico, nenhum sino da igreja pode tocar entre a Quinta-Feira Santa e a vigília pascal. Uma lenda mais tarde evoluiu dizendo que os sinos das igrejas não eram tocados porque eles criavam asas e voavam para Roma para serem abençoados pelo Papa, retornando na Páscoa com chocolate e presentes.

Em algumas cidades francesas, as pessoas doam ovos (de verdade) para uma omelete colossal. O prato é feito na segunda-feira de Páscoa e mais de 10 mil pessoas são convidadas a participarem do almoço. Essa tradição aparentemente começou da demanda de Napoleão por omeletes gigantes para seu exército.

República Tcheca

Na segunda-feira de Páscoa, há uma peculiar tradição tcheca em que homens açoitam as mulheres com chicotes feitos de salgueiro e decorados com fitas. O salgueiro é a primeira árvore a florescer na primavera. Então, os ramos devem transferir a fertilidade da árvore para as mulheres. 

Itália

Florença celebra uma tradição de 350 anos chamada Scoppio del Carro, ou 'explosão da carroça', na Páscoa. Uma elaborada carroça fica carregada de fogos de artifício e estacionada em frente ao Duomo, onde o arcebispo lança um foguete em formato de pomba no carro, dando início a uma espetacular exibição de fogos de artifício que sinaliza boa sorte para o ano.

Na cidade de Panicale, a grande comemoração acontece no dia seguinte à Páscoa. Os moradores se reúnem para a antiga tradição anual de Ruzzola, uma competição que envolve arremessar enormes rodas de queijo em um percurso pela cidade. A equipe que completar o percurso, usando o menor número de lances, ganha e fica com todo o queijo.

Alemanha

Além de esconder ovos, os alemães penduram ovos decorados nas árvores, conhecidos como 'Osterbaum', que enchem as ruas de cores e anunciam a chegada da primavera. Além disso, a tradição alemã diz que durante todas as celebrações da Páscoa você só pode comer coisas verdes. 

América Latina

Muitos países latino-americanos fazem a queima do Judas, incluindo o Brasil. As pessoas criam um boneco do apóstolo que traiu Jesus e depois o queimam. Há quem coloque fogos de artifício no interior desses bonecos para explodirem e, às vezes, figuras políticas tomam o lugar do Judas. 

Brasil

Além da queima do Judas e dos ovos de chocolate, o nosso país tem outros costumes, a exemplo de decorações com ramos de palmeiras. Em Ouro Preto (Minas Gerais), as ruas são ornamentadas com longos e belos tapetes, montados com serragem colorida que se estendem pelas ladeiras da cidade histórica. 

Estados Unidos

Entre as tradições populares americanas estão os desfiles de Páscoa, missas, brincadeiras de pintura e caça aos ovos de Páscoa e, claro, comer tantos doces quanto você puder encontrar. Em Washington, D.C., o presidente dos EUA organiza o Easter Egg Roll, evento anual que remonta ao século XIX, no gramado da Casa Branca. As crianças rolam um ovo cozido colorido com uma colher grande. 

Bulgária

Além de desfrutar da batalha de batida de ovos, outra tradição búlgara consiste que a mulher mais velha da família esfregue os rostos das crianças com o primeiro ovo vermelho cozido que ela pintou, simbolizando seu desejo por sua saúde e força. O ovo é mantido na casa até o próximo ano, quando será quebrado para ver sua cor (branco significa sorte e saúde). 

Vaticano

Um dos grandes momentos da Igreja Católica, a Semana Santa é um evento emocionante e superlotado no Vaticano. Todos os anos, milhares de peregrino ocupam a Praça de São Pedro antes da missa da Vigília Pascal, aguardando a bênção do Papa na sacada da igreja. 


Haiti

Embora haja muitos adeptos do vodu no país, datas católicas também são celebradas, já que os proprietários de escravos eram em grande parte católicos. Os seguidores de vodu do Haiti se reúnem anualmente durante a Páscoa, todos vestidos de branco, para dar um mergulho cerimonial em uma piscina sagrada em Souvenance para sacrificar animais e dançar em transe.  



Artigos Relacionados