Para Bruno Henrique, vitória contra o Timão motiva para Libertadores

Santos enfrenta o Barcelona às 21h45 desta quarta-feira, em Guaiaquil, pela competição sul-americana

Postado em: em Futebol

O atacante Bruno Henrique teve uma atuação fundamental na vitória por 2 a 0 sobre o Corinthians neste domingo (10). Com velocidade e dribles do lado esquerdo, participando diretamente nos gols de Lucas Lima e Ricardo Oliveira, o camisa 27 do Santos FC deu muito trabalho ao sistema defensivo do rival. Satisfeito com seu desempenho, o atleta divide com seus companheiros o mérito de mais uma vitória do Peixe.

“Foi mais uma partida difícil diante do Corinthians, equipe que é líder do campeonato. Sabíamos das dificuldades, mas fomos com uma proposta de jogo de que tínhamos que vencer dentro da Vila. Graças a Deus conseguimos fazer uma boa partida, mostramos um ótimo futebol. Fizemos tudo o que foi treinado. O coletivo foi bem. A rapaziada toda correu, se doou e deu o seu melhor. Estou feliz também por fazer gols e agora dar passes. Fiquei contente por ter contribuído nos dois gols do clássico”, disse Bruno, que soma 14 gols e oito assistências na temporada.

Com a vitória sobre o rival, o Alvinegro Praiano chegou aos 41 pontos, na terceira colocação do Brasileirão. Agora a dois pontos do Grêmio (segundo colocado) e nove do Corinthians (primeiro), Bruno Henrique explica a importância deste resultado não somente para o campeonato Nacional.

“Diminuímos a distância para o Grêmio e para o Corinthians com muitos jogos pela frente. Agora temos que recuperar os pontos perdidos e chegar na liderança do campeonato para, se Deus quiser, sermos campeões no final. Além disso, ganhar um clássico é sempre bom. Isso ajuda na viagem da Libertadores. Se tivéssemos perdido, a viagem para o Equador seria muito mais desgastante. Agora estamos tranquilos para fazer outro bom jogo”, comentou.

Após viajar para o Equador logo depois do clássico, neste domingo (10), o Santos FC enfrenta o Barcelona às 21h45 (horário de Brasília) desta quarta-feira (13). A partida, válida pelo primeiro desafio das quartas de final da Conmebol Libertadores Bridgestone, será realizada no Estádio Isidro Romero, em Guaiaquil.


Artigos Relacionados