Novo reajuste do mínimo pode ter impacto de R$ 2,13 bi no Orçamento

Cada R$ 1 a mais no salário mínimo leva ao aumento de despesa da União em R$ 355 milhões para 2020

Postado em: em Economia

O secretário especial de Fazenda, Waldery Rodrigues, afirmou que o salário mínimo reajustado em mais R$ 6, passando para R$ 1.045, tem impacto estimado no Orçamento da União para 2020 de R$ 2,13 bilhões.

Ao enviar a medida provisória (MP) do Congresso Nacional, no fim do ano passado, reajustando o mínimo de R$ 998 para R$ 1.039, o governo considerou o INPC de janeiro a novembro e o INPC estimado para dezembro. 

Waldery explicou que cada R$ 1 a mais no salário mínimo leva ao aumento de despesa da União em R$ 355 milhões para 2020, por causa da indexação que gera em pagamentos e benefícios como seguro-desemprego, abono salarial, benefício de prestação continuada e Previdência.

Segundo o secretário, caso o governo decida pelo reajuste, terá que fazer ajustes também em outras rubricas. "Se for concedido esse aumento, nós teremos, ao longo do ano, em avaliações bimestrais, que considerar esse novo fato, de maneira transparente e cautelosa.” O primeiro relatório bimestral de receitas e despesas do governo deve ser divulgado em 22 de março.



Artigos Relacionados