Na tribuna, Adérmis Marini alerta para falta de vagas na UTI dos hospitais públicos

Para tentar resolver o problema, vereador irá se reunir com a deputada estadual, Graciela Ambrósio

Postado em: em Política

O vereador Adérmis Marini (PSDB) utilizou seu tempo na Tribuna na tarde desta terça-feira, 1º de outubro, em Franca, chamando a atenção para a falta de vagas de UTI (Unidade de Terapia Intensiva). O tema gerou repercussão recentemente com a denúncia da munícipe Márcia das Graças Ribeiro, que perdeu seu noivo Alexandre Martinez depois de ele passar 10 horas à espera de uma vaga na unidade do Hospital do Coração (veja mais aqui: https://franca.sp.leg.br/noticias/2019/09/problemas-na-rede-de-saude-sao...).

Segundo o parlamentar, hoje Franca possui 18 leitos públicos de UTI na Santa Casa, e dez no Hospital do Coração. Já nas cidades da região, Ituverava oferta nove e São Joaquim da Barra, oito. “Precisamos urgentemente de 10 leitos de UTI e semi-intensivos na cidade de Franca, senão vai morrer gente. Essa é uma demanda que precisar unir todo mundo, vereadores, deputados e prefeito. É uma demanda da nossa cidade, que é grave e precisa ser resolvida para ontem”, solicitou, informando que o valor para a instalação dos dez leitos é de R$ 1 milhão, com custo mensal de R$ 350 mil.

Para tentar resolver o problema, Adérmis irá se reunir com a deputada estadual Graciela Ambrósio (PL) e procurará o deputado Roberto Engler (PSB). “Não podemos lamentar e sim construir soluções”, finalizou.

Os discursos dos vereadores podem ser conferidos na íntegra por meio do Youtube (https://youtu.be/RhwoE7lICFs?t=1909) e Facebook (https://www.facebook.com/camaradefranca/videos/761932664230572/).


Artigos Relacionados