Mapa da Desigualdade de Franca é tema de oficina nesta quarta, 06, na Unesp

Evento aberto ao público visa começar a produzir o importante levantamento a partir de 2020

Postado em: em Cotidiano

A Unesp Franca será palco nesta quarta-feira, 06 de novembro, às 19h, da Oficina de Produção do Mapa da Desigualdade de Franca.

O evento que é aberto ao público em geral, visa começar a produzir a partir de 2020, o Mapa da Desigualdade de Franca. A ideia surgiu ao longo deste ano, através de alguns alunos de graduação e pós-graduação, além de professores da Unesp.

O Mapa da Desigualdade serve para evidenciar a territorialidade das problemáticas sociais da cidade. Dessa forma, expõe a relação direta entre espaço e condições/possibilidades de vida da população. Por meio dele acredita-se ser possível mostrar, por exemplo: onde há oferta e qual a qualidade dos equipamentos e serviços públicos (de saúde, educação, transporte, cultura, infraestrutura, justiça etc); a oferta, o tipo e a renda dos postos de trabalho pela cidade; onde há casos de violência e quais suas especificidades (incluindo, nisso, questões de gênero e raça); a espacialidade das moradias na cidade; entre outros. Ou seja, é possível relacionar os mais diferentes temas que fazem parte das pesquisas dentro da universidade para a construção do Mapa.

“Além disso, algumas experiências recentes têm trabalhado com uma construção participativa do Mapa, que leve em conta a opinião da população na hora de escolher quais indicadores e temas são mais importantes, demonstrando, inclusive, a possibilidade de preocupações diferentes em territórios diferentes de Franca”, destaca Jacques Iatchuk, um dos envolvidos no projeto.

Segundo ele, a importância de construir esse documento é que ele provoca uma outra visão sobre os problemas que atingem Franca, servindo de base para a construção de políticas públicas melhor direcionadas para atender as demandas da população. Afinal, só é possível efetivamente transformar algo de forma qualificada quando se conhece profundamente.

“E é mais uma forma bastante interessante de nós, da UNESP, produzirmos algo que tenha retorno concreto para Franca. Até por isso a ideia é que seja produzido por meio de um grupo de extensão, que produza o Mapa e atue na proposição de soluções para os problemas evidenciados”, reforça.

Tendo tudo isso em mente, nesta quarta-feira, 06, às 19h, na sala 11 (a sala de pós-graduação que fica no final do corredor de RI), será realizada uma oficina de apresentação sobre a produção do Mapa da Desigualdade de Franca, quando as experiências de produção dos Mapas pelo Brasil e sobre as oportunidades que esse projeto abre serão apresentadas. Também será realizada a formação do grupo de extensão que se envolverá com o Mapa da Desigualdade de Franca.


Artigos Relacionados