Instituto Chuí recebe investimentos de 7 estatais para incentivo ao esporte

Cerca de 7.500 crianças e adolescentes do Estado serão beneficiados através de 11 projetos contemplados

Postado em: em Esportes

Trabalho realizado pelo Instituto Chuí receberá patrocínio de 7 estatais

O governador Geraldo Alckmin anunciou hoje a liberação de quase R$ 4 milhões em patrocínios de empresas estatais paulistas a projetos de incentivo ao esporte. Serão contemplados 11 projetos de 10 entidades esportivas em atuação no território paulista, beneficiando cerca de 7.500 mil crianças e adolescentes. Os projetos desportivos e paradesportivos apoiados são socioeducacionais, de inclusão social e comunitários, paralímpicos e de alto rendimento. 

“O esporte forma cidadãos e cidadãs, estimula a competir lealmente, ensina a vencer e a perder, a trabalhar em equipe e a sermos pessoas melhores”, disse o governador durante a cerimônia no Palácio dos Bandeirantes, com a presença do ex-atleta Marcelinho Carioca, Simone Medina (mãe do surfista Gabriel Medina), outros esportistas e gestores de instituições esportivas.

Os projetos contemplados foram aprovados no âmbito da Lei Federal de Incentivo ao Esporte, que estabelece diretrizes para incentivos e benefícios com o objetivo de fomentar atividades de caráter desportivo. No Estado de São Paulo, o investimento das estatais via Lei de incentivo é regulamentada pelo Decreto 61.700/2015, que estabelece normas para a seleção dos projetos a serem patrocinados.

Após solicitação das entidades e análise técnica, a Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude indicou onze projetos desportivos para receberem o apoio de sete estatais:

Associação Bauruense de Desportes Aquáticos - O Projeto ADBA Natação visa oferecer estrutura e treinamento com o intuito de fazer com que uma equipe de natação participe de campeonatos, visando obter resultados e integrar pessoas.

O Projeto ADBA Natação Paralímpica visa revelar novos talentos para a natação paralímpica de Bauru, bem como constituir e manter uma equipe.

Associação Beneficente de Esportes e Cultura de Rio Claro - Projeto visa fomentar a prática do ciclismo na cidade de Rio Claro, como forma de transporte, transformação social e competição nas categorias de base. 

Associação de Judô Rogério Sampaio - Projeto social que visa oferecer aulas de judô para 150 crianças e adolescentes de Santos e São Vicente, no contraturno escolar, visando a inclusão por meio do desporto educacional.

Associação Nacional do Esporte - Projeto social que visa atender 720 crianças e adolescentes matriculados nas escolas da Baixada Santista. Projeto reconhecido pela UNESCO, sendo indicado pelo Ministério das Relações Exteriores e Itamaraty para representar o Brasil como concorrente ao Prêmio UNESCO Hamdan.

Esporte Clube Pinheiros - O objetivo é beneficiar inúmeros atletas inscritos nas modalidades olímpicas de canoagem, polo aquático, saltos ornamentais, natação, remo, atletismo, ginástica artística, levantamento de peso, vôlei, basquete entre outros. Este projeto também desonera o Estado, uma vez que o clube firmou um convênio com a pasta para assumir sem custo algum para o Estado o Centro de Formação de Atletas do Estado nas modalidades handebol, esgrima e futsal.

Instituto Chuí - Projeto liderado pelo ex-atleta de basquetebol Chuí que visa formar atletas olímpicos (30 adolescentes) na região de Franca.

Instituto Gabriel Medina - Projeto de surf visa organizar equipes de treinamento (40 adolescentes) para participarem de campeonatos representativos nas esferas municipais, estaduais, federais e internacionais.

Instituto Passe de Mágica - Projeto social de basquetebol liderado por "Magic" Paula que visa atender mais de 500 crianças em regiões de alta vulnerabilidade no município de Diadema e na região sul de São Paulo. 

Instituto Sports - Campeonato internacional de Tênis.

Prefeitura do Município de Piracicaba - Projeto social que visa atender cerca de 6 mil crianças e adolescentes de 7 a 17 anos, realizando festivais esportivos em um total de 19 modalidades, como atletismo, canoagem, damas, futebol de campo, futsal e xadrez.

As Estatais patrocinadoras são: Agência de Desenvolvimento Paulista (Desenvolve SP), Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp), Companhia de Processamento de Dados do Estado de São Paulo (Prodesp), Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp), Companhia Energética de São Paulo (Cesp), Companhia Paulista de Parcerias (CPP) e Imprensa Oficial do Estado de São Paulo (Imesp). 


Artigos Relacionados