Inscrições estão abertas para o 8º Seminário de Meliponicultura em Franca

Estarão presentes especialistas em manejo e cuidados com abelhas das mais diferentes regiões do país

Postado em: em Agronegócios

A Prefeitura trabalha nos preparativos finais para a realização na primeira quinzena de outubro de dois eventos que promoverá de forma integrada e de extrema importância: o oitavo Seminário de Meliponicultura e o segundo Fórum de Apicultura, durante três dias no Hotel Dann.

Com o propósito de disseminar as melhores práticas sobre a criação e cuidados com as abelhas, o evento vai reforçar também a sua importância estratégica para a fauna e flora, bem como para a produção de lavouras de café e pomares de cítricos e a produção de mel, um alimento dos mais ricos e recomendado a quem busca ter uma boa saúde.

A organização do evento é conjunta da Prefeitura e sua Secretaria de Desenvolvimento, com a secretaria Estadual da Agricultura, Embrapa, Sindicato Rural, empresa Fauna e Flora e outros colaboradores.

A abertura está prevista para a manhã do dia 8 de outubro, às 8 horas, no espaço de eventos do hotel localizado na Avenida Alfredo Tozi, 1088, núcleo Alpha, na região Sul da cidade.

Num primeiro momento haverá os pronunciamentos das autoridades com as boas-vindas aos participantes e na sequência, a organização das palestras técnicas durante os dias seguintes, até o dia 10, com atividades o dia todo. As inscrições seguem abertas e podem ser feitas no Parque “Fernando Costa”, junto a Divisão de Assuntos Agropecuária. Outras informações podem ser obtidas no telefone: 3724-7080, com Célio Rodrigues.

A junção do Seminário e do Fórum, segundo os organizadores, é algo que foi solicitado pelos próprios participantes em edições anteriores, propiciando num momento único, momentos de interação e troca de experiências. 

Estarão presentes especialistas em manejo e cuidados com abelhas das mais diferentes regiões do país. No Parque “Fernando Costa”, a parte será oferecido um curso extra mel e no recinto do evento serão expostos produtos derivados do mel, com espaço de sala de negócios e linha de financiamento com equipes do Banco do Povo Paulista.


Artigos Relacionados