Gasolina aumentou 48% em São Paulo, de acordo com o Índice de Preços Ticket Log

Mesmo com o 2º maior aumento do ano, paulistas pagaram menos pelo combustível do que em todo o País

Postado em: em Economia

Os motoristas de São Paulo sentiram no bolso o aumento de 48% na gasolina, segundo o Índice de Preços Ticket Log (IPTL). Com o preço médio de R$ 4,30, é o segundo maior valor registrado nas bombas paulistas desde fevereiro, quando o preço médio foi R$ 2,90. Ainda assim, o valor foi o mais baixo praticado em todo o Brasil em julho.

O Estado também liderou o menor valor do GNV, R$ 2,30, enquanto o Rio de Janeiro registrou o litro da gasolina mais caro do País, R$ 4,97, ante a média nacional de R$ 4,59.

Já no recorte regional, os postos paulistas também se destacam com o menor preço do etanol (R$ 2,59), diesel (R$ 3,24) e diesel S-10 (R$ 3,36), enquanto o Espírito Santo registrou o preço médio do etanol mais caro de todo o Sudeste: R$ 3,69. Nos postos de Minas Gerais, os combustíveis mais caros foram o diesel S-10 e o GNV, com preço médio de R$ 3,56 e R$ 2,86, respectivamente.

Confira abaixo a tabela para consulta de cada combustível na Região Sudeste.

Retrato do primeiro semestre

Ao analisar o preço médio dos combustíveis no primeiro semestre, o IPTL revela que São Paulo registrou o menor valor para o litro da gasolina e do diesel, R$ 3,89 e R$ 3,22, respectivamente, em todo o Brasil.

Já no recorte da Região Sudeste, o Rio de Janeiro lidera com os maiores preços praticados nas bombas para a gasolina (R$ 4,58), etanol (R$ 3,73) e diesel (R$ 3,64). No Espírito Santo, a média do litro da gasolina no primeiro semestre ficou em R$ 4,20, valor 8% menor que a média nacional, de R$ 4,59.

Em Minas Gerais, o preço médio do etanol foi de R$ 3,21, valor 9% abaixo da média nacional para o período.

Em razão da alta variação dos preços registrada nas bombas de todo o País em maio, por ocasião da crise dos combustíveis, o mês não foi contemplado no recorte semestral.

O IPTL é um índice mensal de preços de combustíveis levantados com base nos abastecimentos realizados nos postos credenciados da Ticket Log, que traz grande assertividade por conta da quantidade de veículos administrados pela marca: 1 milhão ao todo, com uma média de 8 transações por segundo. A Ticket Log, marca de gestão de frotas e soluções de mobilidade da Edenred Brasil, conta com 25 anos de experiência e se adapta às necessidades dos clientes, a fim de simplificar os processos diários.

Sobre a Ticket Log

Criada a partir da aliança entre Ticket Car e Ecofrotas, a Ticket Log atua no segmento de gestão de despesas corporativas no Brasil, por meio de gestão de abastecimento, manutenção e outras soluções integradas. Acumulando 25 anos de experiência, a Ticket Log se torna a marca mais completa do mercado nacional, entregando soluções em mobilidade para empresas de todos os tamanhos. Atualmente, conta com 27 mil empresas-clientes, administra 1 milhão de veículos em sua base de clientes e possui uma rede de mais de 36 mil comerciantes credenciados. Com o compromisso de transformar a maneira de gerir despesas e pensar a mobilidade de forma mais inteligente, a Ticket Log oferece soluções que atendem integralmente às diversas necessidades de empresas de todos os portes, oportunizando a modernização de seus negócios, a simplificação da rotina de trabalho e a sustentação dos resultados.


Artigos Relacionados