Ex-vereador, Valim critica Corrêa Neves por demora na entrega do Copacabana

Valim e Júnior foram colegas de partido e de trabalho, mas radialista condena promessa não cumprida

Postado em: em Política

​O radialista e ex-vereador Marcelo Valim criticou seu ex-colega de partido e ex-patrão, o vereador Corrêa Neves Júnior (PSD) pelo atraso e prazos não cumpridos para a entrega de 406 apartamentos do Residencial Copacabana.

Valim afirma que o vereador e o prefeito Gilson de Souza (DEM) se comprometeram com os contemplados e deram até prazos, mas os mesmos não foram cumpridos. A espera nesse governo já chega a um ano e cinco meses e no total já passa de três anos.

"O vereador Corrêa Neves abraçou a causa e disse que, junto com o prefeito, de quem é o líder informal, iria resolver essa situação. Mas já faz um ano e cinco meses e até agora nada. Até então, o vereador gostava de jogar pedras na vidraça. Agora, ele está se transformando em vidraça, mas é por postergar o cumprimento de suas promessas".

Valim foi alem e reafirmou a responsabilidade de se fazer compromissos com a população. 

"De pessoas públicas temos que cobrar porque nós pagamos seus salários. Afinal de contas, o que está sendo feito para essas 406 famílias que ainda não conseguiram mudar?  Com a palavra, o prefeito e o vereador Corrêa Neves, que disse que ia resolver essa situação", criticou o radialista.

Na Câmara, por repetidas vezes, o vereador afirmou que faltam trâmites burocráticos a serem cumpridos. 

Os dois prazos dados por ele até agora, fim de 2017 e abril deste ano, não foram honrados.


Artigos Relacionados