Equipes da região recebem treinamento oferecido pelo SAMU de Franca

Em trabalho contínuo, 24 horas por dia, SAMU de Franca realizou no último ano, 24.450 atendimentos

Postado em: em Cotidiano

O Samu Franca, inaugurado em 2012, é um serviço de urgências e emergências, contando com três viaturas de atendimento básico com técnico de enfermagem e condutor socorrista e uma viatura de atendimento avançado, com médico, enfermeiro e condutor socorrista. Em trabalho contínuo, 24 horas por dia, realizou no último ano, 24.450 atendimentos.

Combater os trotes (ligações com relatos falsos) continua sendo um dos grandes desafios, decorrente da falta de responsabilidade e conscientização de muitas pessoas. 

Contra os 24,4 mil atendimentos de 2018 foram contabilizados 833 trotes. Atualmente a unidade local está se ocupando além de sua rotina diária de serviços, em ministrar um treinamento das cidades da região que receberam ambulância para instalação de novas bases do Samu.

Trata-se de um processo chamado de regionalização. De junho aos dias atuais já passaram por treinamento na base Samu Franca equipes das cidades de Guará, Orlândia, São Joaquim da Barra, Ituverava e no momento Miguelópolis. São treinados 16 servidores de cada município (técnicos de enfermagem, enfermeiros e condutores socorristas) para atuar nas novas bases.

Melhorias nas instalações

O prédio localizado no Parque dos Pinhais está passando por adequações, recebendo uma revitalização geral. Foram resolvidos vários dos problemas com infiltração, realizados consertos e trocas de portas, vidros e substituídos pisos quebrados, tomadas, parte elétrica, realizada pintura do prédio, troca do sistema de acústica da sala de regulação por sistema adequado. Esses serviços foram executados pelas equipes de manutenção e do Núcleo de Obras da Prefeitura. 

No prédio anexo que estava sem utilização foi realizada a limpeza, corte do mato, colocado forro, consertado telhado e está em assentamento de pisos para transformá-lo em Centro de Treinamentos, onde já estão ocorrendo algumas atividades, inclusive essa capacitação com as cidades vizinhas.

Quando chamar o Samu?

O atendimento do Samu 192 começa a partir do chamado telefônico (192), quando são prestadas orientações sobre as primeiras ações. A ligação é gratuita, para telefones fixo e móvel. Os técnicos auxiliares de regulação médica (TARM) identificam a emergência e coletam as primeiras informações sobre as vítimas e sua localização. Em seguida, as chamadas são remetidas ao Médico Regulador, que presta orientações de socorro às vítimas e aciona as ambulâncias quando necessário.

Para o atendimento é muito importante que o médico regulador, que trabalha no atendimento do Samu, tenha o máximo de informação necessária para estabelecer o grau de risco daquela pessoa, de modo que possa definir qual tipo de equipe e veículo será encaminhado para o local, pois existem tipos diferentes de ambulância para atendimento das chamadas

Algumas situações em que o Samu deve ser chamado:

· Intoxicação exógena e envenenamento;

· Queimaduras graves;

· Trabalhos de parto em que haja risco de morte da mãe ou do feto;

· Em tentativas de suicídio;

· Crises hipertensivas e dores no peito de aparecimento súbito;

· Quando houver acidentes/traumas com vítimas;

· Afogamentos e engasgo;

· Choque elétrico;

· Acidentes com produtos perigosos;

· Suspeita de Infarto ou AVC (alteração súbita na fala, perda de força em um lado do corpo e desvio da comissura labial são os sintomas mais comuns);

· Agressão por arma de fogo ou arma branca;

· Soterramento, Desabamento;

· Crises Convulsivas;

· Outras situações consideradas de urgência ou emergência, com risco de morte, sequela ou sofrimento intenso.

· Falta de ar intensa;

· Urgências psiquiátricas;

· Vítima inconsciente;

Quando não chamar o Samu 192

· Febre prolongada;

· Dores crônicas;

· Vômito e diarreia;

· Levar pacientes para consulta médica ou para realizar exames;

· Transporte de óbito;

· Dor de dente;

· Transferência sem regulação médica prévia;

· Trocas de sonda;

· Corte com pouco sangramento,

· Entorses;

· Cólicas renais;

· Transportes;

· Ingestão de bebida alcoólica;

· Todas as demais situações onde não se caracterize urgência ou emergência médica.

IMPORTANTE: nestes casos e em todos os demais sem caracterização de urgência ou emergência, o paciente poderá ser encaminhado ao posto de saúde ou então as unidades de pronto atendimento (UPAS) mais próximas.

Dicas para quem ligar para o Samu 192

· Em caso de acidente verifique a quantidade de vítimas, o estado de consciência delas e se alguma delas está presa às ferragens;

· Ligue para o 192 e siga as orientações do Médico Regulador;

· Sinalize as vias com galhos de árvore e triângulo de sinalização;

· Em caso de acidente com motos: não toque nas vítimas, não retire o capacete;

· Não dê água aos acidentados.


Artigos Relacionados