Empresa de Franca tem programa para formar seus próprios funcionários

Em apenas seis meses, a SMN deixa o estagiário em condições de assumir uma vaga na empresa

Postado em: em Tecnologia

Desde o dia 20 de agosto está funcionando o novo programa de formação de talentos da SMN, com 16 estagiários que têm tudo para se transformarem em profissionais da empresa. 

A SMN é especializada em desenvolvimento de software para suprir seus clientes com soluções tecnológicas.

Foi fundada em São Paulo, em 2005, criando soluções para a Momentum Empreendimentos Imobiliários. 

Depois migrou para Carmo do Rio Claro (MG) e depois de uma operação de “joint venture” com a Engenharia Solutions, finalmente se estabeleceu num prédio do Distrito Industrial de Franca. 

Tem atuação nacional, com soluções tecnológicas para grandes empresas, como Magazine Luiza, Consórcio Luiza e Momentum Empreendimentos Imobiliários, dentre outras grandes.

Por conta da escassez de profissionais de TI na região, a SMN resolveu criar seu Programa de Estágio que objetiva formar técnicos para atuarem na própria empresa. 

Resumidamente, o estagiário era treinado para atuar como desenvolvedor ou como técnico e assim que demonstrasse estar apto e produzindo era contratado efetivamente pela SMN, ou seja, estágio com contratação garantida, caso o estagiário se destacasse.

A SMN conta com a ajuda de professores e coordenadores de faculdades e escolas técnicas para a indicação das famosas “pérolas” que precisam ser lapidadas.

Esse processo de recrutamento através de estagiários não para. A empresa recebe permanentemente vários currículos e faz várias entrevistas com as pessoas.

Os estagiários começam um treinamento de lógica de programação, análise de negócios, controle de versão, dentre outros tantos assuntos.

Com o passar dos meses cada qual vai se especializar na área em que mais se identificar na empresa.

São seis áreas: 1) Análise de negócios; 2) Desenvolvimento front-end; 3) Desenvolvimento back-end; 4) Desenvolvimento móbile; 5) Business Intelligence; e 6) Infraestrutura 

Durante o período de estágio eles serão submetidos a desafios, provas, exercícios e muito conteúdo prático, que será passado pelos integrantes da SMN por meio de aulas ministradas todos os dias.

Sobre o programa de formação de talentos, Ricardo Corrales, presidente da empresa, diz que a equipe da SMN fazia entrevistas periodicamente com estudantes das faculdades e ensino técnico, geralmente recomendados pelos coordenadores e professores dos cursos.

O quesito para a seleção é bastante simples: caráter e vontade de aprender.

Quem entrava na empresa ficava em uma equipe e tinha um mentor responsável pela efetivação.

Nessa equipe, o estagiário passava por um treinamento com apostilas, livros, vídeo-aulas, palestras e afins, e também passava por experiências da vida real com os projetos da empresa.

Com o passar do tempo, o aumento de projetos e o crescimento da equipe, esse formato de estágio não estava sendo tão eficiente, e então foi decidida uma mudança, que resultou no novo programa de formação de talentos.

Quando estiverem prontos, os estagiários irão para as equipes de produção, onde terão seus primeiros contatos com os projetos da empresa, clientes e produtos.

Em seis meses o estagiário estará apto a trabalhar em qualquer projeto da empresa na área em que escolheu, e assim que estiver com a produtividade afiada ele será efetivado.

Ricardo Corrales afirma que “a efetivação é certeira. Temos as 16 vagas CLT em aberto, e cabe somente ao estagiário se esforçar para que isso aconteça”.


Artigos Relacionados