Dois secretários de Gilson estariam na mira da degola e podem ser exonerados

Nos bastidores políticos, informação é que Edgar Ajax e Tânia Bertholino poderão ser substituídos

Postado em: em Política

Os bastidores da política na Prefeitura estão agitados com a possível substituição de dois dos principais secretários do governo Gilson de Souza (DEM), que comandam pastas relevantes, como Educação e Finanças.

Um deles é Edgar Ajax, homem de confiança de Gilson e apadrinhado político do ex-prefeito de Rifaina, Abrão Bisco Filho (de quem foi também Secretário de Educação de 2013 a 2016), que o indicou para o primeiro escalão do prefeito de Franca, que é seu amigo pessoal.

Edgar já foi secretário de Ação Social e teve intensa participação na campanha de Gilson de Souza, sendo posteriormente remanejado para a Secretaria de Educação, onde está longe de ser unanimidade entre os servidores de carreira. 

Sua saída, que poderá ser feita por exoneração ou afastamento sem vencimentos, seria mais por motivação política, mais exatamente para trabalhar como um dos coordenadores da campanha de Gilsinho de Souza (PRB) a deputado federal.

No caso de Tânia, que tem bastante conhecimento na Secretaria de Finanças, a saída estaria sendo motivada pelo desgaste ocasionado pelos déficits nos recursos próprios da Prefeitura. 

Uma alternativa seria mantê-la como coordenadora na pasta, o que lhe daria condições de trabalhar a área técnica, sem o desgaste das decisões políticas.

Tânia estará de férias entre os dias 11 e 26 deste mês e substituída, provisoriamente, pelo polivalente chefe de gabinete de Gilson, Orivaldo Donzelli, conforme publicado no Diário Oficial desta terça-feira.​


Artigos Relacionados