Detran-SP abre concurso com 400 vagas e salários de até R$ 4.657,50

A​s inscrições do concurso público 2019 do Departamento Estadual de Trânsito estão abertas até dia 6 de maio

Postado em: em Trabalho

De acordo com o documento, publicado no Diário Oficial, estão abertas nada menos que 400 vagas em cargos de ensino médio e superior. A Fundação Carlos Chagas (FCC), banca organizadora do certame, que conta com vagas para São Paulo, receberá os interessados até 06 de maio.

edital conta com 200 vagas para Agente Estadual de Trânsito e 200 vagas para Oficial Estadual de Trânsito do quadro permanente do Departamento. 

Os candidatos aprovados neste concurso e convocados para admissão serão contratados pelos preceitos da Consolidação das Leis do Trabalho – CLT, Legislação Trabalhista Federal Complementar e Legislação Estadual pertinente com jornada de trabalho de 40 (quarenta) horas semanais.

O cargo de Agente Estadual de Trânsito requer graduação em curso de nível superior e Carteira Nacional de Habilitação, no mínimo, Categoria B. O salário do cargo é de R$ 4.657,50. Já o cargo de Oficial Estadual de Trânsito tem exigência de Ensino MédioCompleto ou Curso Técnico Profissionalizante de nível equivalente. A remuneração é de R$1.863,00.

Atribuições dos cargos

Agente Estadual de Trânsito: desempenhar atividades técnicas, de gestão e de execução dos serviços relativos ao exercício das competências institucionais e legais do DETRAN-SP, em conformidade com a normatização do Sistema Nacional de Trânsito, entre elas: executar as tarefas pertinentes aos processos de habilitação de condutores em geral, como, aplicar os exames teóricos e práticos, emitir e promover a entrega de documentos; executar as tarefas pertinentes aos processos de pontuação, suspensão e cassação da Carteira Nacional de Habilitação; realizar procedimentos referentes ao processamento dos autos de infração; executar as tarefas pertinentes aos processos de regularização de veículos; fiscalizar as atividades dos parceiros e credenciados do DETRAN-SP, os exames dos processos de habilitação em geral; reparar, instruir e analisar os processos de credenciamento e descredenciamento de parceiros e credenciados, e os procedimentos administrativos para apurar irregularidades nos processos de habilitação de condutores; participar de Operação Direção Segura (ODS); elaborar apontamentos, estatísticas, relatórios das atividades desenvolvidas; fiscalizar e acompanhar a execução dos serviços, contratos e convênios firmados pelo DETRANSP, nas respectivas áreas de competência; assessorar os Diretores das Unidades de Atendimento; suporte ao atendimento ao público: transação nas bases de dados e emissão de documentos; realizar atividades administrativas; exercer outras atividades concernentes às suas áreas de atuação, determinadas pelo Diretor-Presidente do DETRAN-SP ou com sua anuência.

Oficial Estadual de Trânsito: desempenhar atividades de apoio à gestão e à execução dos serviços relativos ao exercício das competências institucionais e legais do DETRAN-SP, em conformidade com a normatização do Sistema Nacional de Trânsito, entre elas: atendimento ao público; apoio administrativo; executar os serviços relativos à habilitação de condutores, ao registro e licenciamento de veículos automotores e aos decorrentes da fiscalização de trânsito; efetuar o cadastramento da Permissão para Dirigir, Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e da Permissão Internacional para Dirigir (PID); e os demais procedimentos para expedição, substituição ou renovação; expedir documentos de veículos; realizar os serviços de baixa de veículo, registro e alteração da numeração do motor, remarcação de chassi e outros da mesma natureza; registrar a comunicação de venda e a alteração de endereço; receber, registrar e manter em arquivo, os processos relativos a veículos; realizar vistoria de veículos; promover a expedição do laudo técnico referente à vistoria; apoiar nos exames práticos e teóricos e apoio nas fiscalizações.

Inscrições

Os interessados em concorrer a uma das vagas poderão se inscrever entre 10 horas do dia 05 de abril de 2019 e 14 horas do dia 06 de maio de 2019, no site oficial da banca organizadora do certame (http://www.concursosfcc.com.br/). A taxa de inscrição custará R$75,00 para nível superior e R$45,00 para nível médio.

Provas

As provas objetivas e discursivas do concurso DETRAN-SP 2019 serão aplicadas no dia 07 de julho de 2019. As avaliações serão aplicadas no turno da manhã (Oficial de Trânsito) e tarde (Agente de Trânsito) em 19 cidades paulistas:

  • Araçatuba – Araçatuba-SP
  • Região Central – Araraquara-SP
  • Barretos – Barretos-SP Bauru – Bauru-SP
  • Sorocaba II – Botucatu-SP
  • Campinas I – Campinas-SP
  • São José do Rio Preto II – Fernandópolis-SP Franca – Franca-SP
  • Sorocaba III – Itapeva-SP
  • Marília – Marília-SP
  • Campinas II – Mogi Guaçu-SP
  • Presidente Prudente – Presidente Prudente-SP
  • Registro – Registro-SP
  • Ribeirão Preto – Ribeirão Preto-SP
  • Baixada Santista – Santos-SP
  • São José do Rio Preto I – São José do Rio Preto-SP
  • Vale do Paraíba – São José dos Campos-SP
  • Sorocaba I – Sorocaba-SP
  • Capital e Metropolitana – São Paulo-SP
Provas 

As provas do concurso terão duração de 4h30 e serão compostas por uma prova objetiva com 60 questões (com cinco alternativas cada) e uma prova discursiva.

Agente Estadual de Trânsito

Língua Portuguesa – 8 questões

Matemática e Raciocínio Lógico-Matemático – 3 questões

Noções de Informática – 3 questões

Direito Constitucional – 3 questões

Direito Administrativo – 3 questões

Código de Trânsito Brasileiro completo – 25 questões

Resoluções do Conselho Nacional de Trânsito – 15 questões

Prova Discursiva – Redação – Peso 2

Oficial Estadual de Trânsito

Língua Portuguesa – 20 questões

Matemática e Raciocínio Lógico-Matemático – 5 questões

Noções de Informática – 5 questões

Noções de Direito Constitucional – 5 questões

Noções de Direito Administrativo – 5 questões

Código de Trânsito Brasileiro completo – 12 questões

Resoluções do Conselho Nacional de Trânsito – 8 questões

Prova discursiva – Redação – Peso 2

Para ter sua prova discursiva corrigida, o candidato deverá obter o aproveitamento mínimo de 60% da prova, não zerar nenhuma disciplina e se classificar dentro de 10 vezes o número de vagas previstas.

Validade

O Concurso Público terá validade de 02 (dois) anos, a contar da data da publicação da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado por igual período, a critério do Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo.


Artigos Relacionados