Deputada Graciela votou contra imposto mais caro para calçados e produtos

Parlamentar foi contrária à alteração do ICMS, que afetaria diretamente as pessoas mais humildes

Postado em: em Política

A deputada estadual Delegada Graciela (PL) votou contra o Projeto de Lei 529/2020, que promoveu várias mudanças administrativas no Estado, entre elas o aumento no percentual do ICMS – imposto que pagamos em tudo que compramos em nosso dia a dia.

O posicionamento da deputada Delegada Graciela foi importante em relação aos interesses da população francana, uma vez que a parlamentar se posicionou contrária à alteração do ICMS, que afetaria diretamente as pessoas mais humildes. 

“Com isso eu não posso concordar”, afirmou a deputada.

A alteração no imposto atingiria também a indústria de calçados, que emprega milhares de trabalhadores em Franca e na Região. 

“Em nossa cidade, o imposto mais caro iria atingir, em cheio, as fábricas de calçados. Votei contra, para ajudar a manter os empregos da nossa gente”, disse Deputada Graciela.


Artigos Relacionados