Como melhorar a absorção dos cosméticos pela pele nos cuidados diários

De acordo com a especialista, se aplicados na ordem errada, os produtos podem perder seu efeito

Postado em: em Beleza

Você começou a seguir religiosamente uma rotina de cuidados diários com a pele e investiu pesado em produtos. Mas será que todo seu arsenal de beleza está sendo absorvido pela sua pele?

O maior órgão do corpo não tem camadas fáceis de se penetrar. "A pele é uma espécie de barreira de proteção natural contra agentes químicos, físicos e biológicos. Devido a essa função, ela possui permeabilidade seletiva, ou seja, algumas substâncias conseguem penetrar apenas as camadas mais superficiais da pele enquanto outras conseguem chegar até camadas mais profundas, podendo entrar inclusive na corrente sanguínea”, explica a dermatologista Thais Pepe, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Barreiras como o estrato córneo, a camadas mais externa da epiderme é uma das mais importantes quando o assunto é a penetração dos seus cosméticos. "Nele estão presentes células mortas, com grande quantidade de queratina, que se descamam continuamente e formam uma barreira que protege os tecidos que estão abaixo dessa camada.  Sendo assim, apenas 1 a 5% daquilo que é aplicado na pele com o estrato córneo intacto e espesso é que tem capacidade de penetrar, sendo que o restante permanece na superfície da pele, não trazendo benefício algum”, esclarece Thais.

Como aproveitar ainda mais seus cosméticos:

Fatores como idade, irrigação sanguínea, hidratação, região, qualidade e tipo de pele vão modificar o quanto de cosmético a pele conseguirá absorver, mas existem cuidados que podem ajudar na penetração dos seu creme. O primeiro é básico: limpeza, que tira os resíduos do dia a dia.

Mas não só. “Após a limpeza, a pele fica muito alcalinizada devido ao sabonete. Por isso, é importante também usar um tônico ou água termal para promover o reequilíbrio do pH da pele, assim preparando-a para a etapa seguinte, já que o equilíbrio do pH vai auxiliar na melhor absorção dos ativos cosméticos que serão aplicados”, afirma a dermatologista.

Esfoliar também é um cuidado fundamental. Segundo a Dra. Thais, o sabonete sozinho não remove todas as impurezas e os resíduos do dia-a-dia. Então, o esfoliante age removendo parte do estrato córneo e retirando células mortas, sebos e resíduos que ficam mais aderidos à superfície cutânea. “Além disso, após a esfoliação, ocorre uma renovação do estrato córneo em mais de 50%, o que confere à pele uma textura mais homogênea e uma espessura mais delicada, fazendo com que os ativos penetrem adequadamente”.

Ordem certa

Depois de limpar e/ou esfoliar (apenas de 2 a 3 vezes por semana), seu cosmético está pronto para atacar, certo? Sim, mas é necessário seguir uma ordem para não gastar seus produtos à toa. De acordo com a especialista, se aplicados na ordem errada, os produtos podem perder seu efeito. Por isso devem ser passados do mais líquido para o mais consistente, pois quanto mais fluído o veículo é, maior sua capacidade de concentração de princípios ativos. Lembre-se sempre da seguinte sequência: loções, séruns, cremes, máscaras e, por último, os fotoprotetores.

Drug delivery

Alguns produtos contam com a nanotecnologia e outros avanços científicos para entregar ativos nas camadas mais profundas da pele. O drug delivery é uma técnica que utiliza de métodos para aumentar a permeabilidade da pele e melhorar a penetração cutânea de medicamentos - mas esse método deve ser prescrito e realizado por um dermatologista certificado. “O drug delivery consiste na aplicação de medicação na pele imediatamente após o uso de lasers ablativos ou microagulhamento, que criam canais de abertura, facilitando a absorção dos ativos pelo tecido”, finaliza Pepe.


Artigos Relacionados