Com carta branca do prefeito, novo presidente da ​Emdef troca diretores

Deyvid explicou que ao ser nomeado foi instruído a promover a completa reestruturação de toda Emdef

Postado em: em Política

O mês de maio começou com mudanças na Emdef – Empresa Municipal para o Desenvolvimento de Franca. 

Dois diretores da empresa foram exonerados diante da reestruturação proposta pela Administração. 

Deyvid Alves da Silveira, diretor da Emdef, explicou que ao ser nomeado para ocupar o cargo foi instruído a promover uma completa reestruturação administrativa e funcional.

Por isso, a ação respingou em dois profissionais. Um deles foi João Guilherme Rosa Flávio de Castro, que era diretor técnico.

O outro foi Amilton Borges (gerente do serviço de Obras e Construção Civil). O terceiro foi Jair Rodrigues, que ocupava o cargo de gerente de serviço de manutenção e pátio.

As portarias de exoneração foram publicadas no Diário Oficial do Município do dia 30 de abril de 2020. E no mesmo dia foi publicada também portaria nomeando os novos postulantes aos cargos dos exonerados. 

Para o cargo de Gerente do Serviço de Obras e Construção Civil foi nomeado o empregado público Claudinei de Castro.

Para exercer as funções do cargo de Diretor-Administrativo foi o empregado público Jair Rodrigues, e, para exercer as funções do cargo em Comissão de Gerente do Serviço de Manutenção/Pátio, foi Elisangela Silva Andrade Perente.

Deyvid Silveira disse em entrevista ao Jornal da Franca que a Empresa Municipal para o Desenvolvimento de Franca está passando por reestruturação administrativa a partir de sua nomeação. 

Desta forma, as recentes mudanças na diretoria da empresa dão continuidade a esta nova estruturação. 

“Agradecemos todo o empenho dos diretores que deixaram os cargos e se empenharam em suas funções. As nomeações buscam maior produtividade e eficiência do serviço, com valorização do quadro de funcionários da empresa, agregando pessoas com experiência no setor público” diz a nota da Emdef.


Artigos Relacionados