CNBB registra 415 padres com Covid-19 no Brasil desde início da pandemia

Boletim informa ainda que 21 religiosos faleceram em decorrência do coronavírus

Postado em: em Saúde

A Comissão Nacional de Presbíteros (CNP), vinculada à Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), registrou 415 padres diocesanos contaminados com a Covid-19 até sexta-feira (31) no país. O boletim informa ainda que 21 religiosos faleceram em decorrência do coronavírus.

Os dados coletados pela CNP apontam que, o número de casos confirmados e de morte provocada pela Covid-19 pode ser ainda maior nas 18 regionais da CNBB, que totaliza 278 dioceses e arquidioceses. 

A conclusão foi feita porque o levantamento considerou apenas os padres diocesanos e não padres ligados às congregações religiosas.

Na regional que compreende o estado de São Paulo registrou o maior número de padres infectados, somando 72, e uma morte.

Na regional que compreende os estados do Pará e Amapá, a CNP registrou seis mortes por coronavírus.


Artigos Relacionados