​Cesta básica tem queda de 0,21% em outubro, aponta pesquisa do Procon-SP

Dos 39 produtos pesquisados pelo Procon-SP, 26 apresentaram alta e 13 diminuíram de preço

Postado em: em Economia

Pesquisa do o Procon-sp, vinculado à Secretaria da Justiça e Cidadania, por meio do seu Núcleo de Inteligência e Pesquisas - EPDC constatou que em novembro o valor da cesta básica paulistana teve queda de 0,21%. 

O levantamento, feito em convênio com o Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese), revela que o preço médio no dia 30/9 era R$ 739,07 e passou para R$ 737,53 em 31/10.

Por grupo, foram constatadas as seguintes variações: alimentação, -0,77%, limpeza, 1,75% e higiene pessoal, 4,02%. A variação no ano é de 4,08% (base dezembro/2018).

No mês de outubro, os produtos que mais subiram foram:

Papel higiênico fino branco (com 4 unidades) 12,62%

Linguiça fresca (kg) 9,02%

Açúcar refinado (5 kg) 6,22%

Sabonete (unidade 90g) 6,05%

Óleo de soja (900 ml) 5,82%

As maiores quedas foram:

Cebola (kg) -26,28%

Batata (kg) -9,26%

Biscoito maisena (pacote 200g) -4,63%

Desodorante spray (90/100 ml) -3,03%

Café em pó (500g) -2,64%

Dos 39 produtos pesquisados, na variação mensal, 26 apresentaram alta, 13 diminuíram de preço.

Veja a pesquisa completa


Artigos Relacionados