Câmara dos Vereadores vai votar reajuste de salário do funcionalismo

Reajuste deverá ser acrescentado aos salários já no pagamento do mês de maio

Postado em: em Política

A Câmara dos Vereadores deverá votar – a aprovar – o reajuste dos servidores públicos municipais de Franca. O projeto será apresentado em regime de urgência pela base governista e, como já foi aprovado em assembleia pelo funcionalismo, a aprovação ocorrerá de forma unânime.

Após momentos de tensão entre servidores e a gestão de Gilson de Souza (DEM), a Prefeitura ganhou a queda de braço com o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Franca e um acordo bom para o governo foi fechado para o reajuste do funcionalismo da cidade. 

Os servidores vão receber 1,81% de reajuste, que foi o índice inflacionário oficial, sem qualquer aumento real; o vale alimentação passará de R$ 360 para R$ 410, mas de forma escalonada, chegando a este valor somente em janeiro do ano que vem; R$ 5 a mais no abono escolar, que ficará em R$ 375; e seis faltas abonadas por ano. 

O dia parado, há duas semanas, quando foi realizada uma paralisação, não será descontado, porém, as horas terão de ser repostas pelos servidores públicos. Com o aceite do funcionalismo, após assembleia na noite desta terça, os novos valores já estarão em vigor no próximo pagamento, com acerto retroativo de março e abril.

O fechamento do acordo foi bom para a população, que não terá de conviver com os problemas de uma greve geral, mas ficou muito aquém do que era reivindicado pelo Sindicato dos Servidores, que pleiteou aumento real de 8% e vale alimentação de R$ 60, entre outros pedidos.


Artigos Relacionados