Além da oposição, Gilson de Souza convive com "fogo amigo" de sua base

Até vereadores mais próximos do prefeito de Franca contestam atitudes e erros da administração

Postado em: em Política

​Além de "apanhar" dos vereadores da oposição, o que é normal para qualquer prefeito, Gilson de Souza (DEM) tem enfrentando constantes questionamentos de sua própria base governista.

Não é raro os vereadores mais próximos do prefeito cobrarem situações verificadas no município que causam reclamações da população. Nesta terça-feira, por exemplo, será votado um requerimento que coloca em xeque a eficiência de Gilson no quesito segurança.

O líder do prefeito, Pastor Otávio (PTB), quer saber  "quais as providências estão sendo tomadas para resolver os problemas de segurança no Colégio Champagnat e no complexo Poliesportivo".

Ora, mas se o líder do prefeito está com dificuldades de obter atenção e retorno de Gilson, difícil imaginar a situação dos demais vereadores. Um assunto do gênero poderia e deveria ser tratado nos bastidores, diretamente entre os dois políticos.

Ou o vereador quer chamar para si a atenção - mesmo que desgastando Gilson - ou ele não 


Artigos Relacionados